Trump renuncia a apelar da suspensão de seu decreto migratório

O Departamento de Justiça anunciou a decisão em uma moção apresentada à Corte de Apelações do Nono Circuito

Donald Trump Donald Trump  - Foto: Brendan Emialowski/afp

O governo do presidente americano, Donald Trump, desistiu de apelar, nesta quinta-feira, da decisão judicial que suspendeu os efeitos de um decreto contra imigrantes e refugiados de sete países de maioria muçulmana, e destacou que apresentará uma nova versão da ordem executiva.

O Departamento de Justiça anunciou a decisão em uma moção apresentada à Corte de Apelações do Nono Circuito (com sede na Califórnia, oeste), e antecipou que o governo prepara outra ordem executiva que eliminará os questionamentos à sua inconstitucionalidade.

Mais cedo, durante coletiva de imprensa, o presidente americano, Donald Trump, prometeu para a semana que vem emitir uma nova ordem executiva sobre imigração.

"Vamos emitir uma ordem nova e muito abrangente para proteger nosso povo", disse Trump.

Veja também

Washington reforça segurança por risco de violência antes da posse de Biden
Mundo

Washington reforça segurança por risco de violência antes da posse de Biden

Turba que tomou Capitólio pretendia 'capturar e assassinar' legisladores
EUA

Turba pretendia 'capturar e assassinar' legisladores