Mundo

Veja os principais atentados do Estado Islâmico na Turquia

Lista registra atentados de 2016 e 2017

Requerimento foi do deputado federal Túlio Gadêlha (PDT)Requerimento foi do deputado federal Túlio Gadêlha (PDT) - Foto: Reila Maria/Câmara dos Deputados

O grupo extremista Estado Islâmico (EI), que afirmou ter lançado o atentado mortífero contra a conhecida boate Reina de Istambul na noite de Ano Novo, reivindicou poucos atentados na Turquia, embora as autoridades atribuam a ele vários ataques.

Leia mais: Estado Islâmico reivindica chacina em Istambul

A seguir, os principais ataques reivindicados ou atribuídos ao Estado Islâmico na Turquia:

2017


- 1º de janeiro: 39 mortos, incluindo 26 estrangeiros, em um tiroteio em uma exclusiva discoteca de Istambul. O atirador, armado com um fuzil, disparou de forma indiscriminada contra as pessoas que celebravam o Ano Novo, antes de fugir.

O grupo Estado Islâmico afirmou em um comunicado divulgado nas redes sociais que o ataque foi cometido por um dos "soldados do califado".

Esta é a primeira vez que o grupo extremista assume a autoria de um ataque em Istambul.

2016


- 4 novembro: nove mortos, incluindo dois policiais, em um atentado com carro-bomba diante de uma delegacia em Diyarbakir, localidade considerada a "capital" do sudeste da Turquia, de maioria curda. As autoridades atribuíram o ataque ao Partido dos Trabalhadores do Curdistão (PKK), mas na mesma noite o EI reivindicou a autoria e dois dias depois os Falcões da Liberdade do Curdistão (TAK, próximo ao PKK) fizeram o mesmo.

- 20 de agosto: 57 mortos em um atentado suicida não reivindicado em um casamento curdo em Gaziantep (sudeste), perto da fronteira com a Síria. O presidente turco, Recep Tayyip Erdogan, acusou o EI do massacre.

- 28 de junho : 47 mortos, entre eles vários estrangeiros, em um triplo atentado suicida no aeroporto internacional Atatürk de Istambul. As autoridades turcas apontaram o EI como o responsável.

- 1º de maio: morte de três policiais em um ataque com carro-bomba diante da sede central da polícia em Gaziantep. Ancara atribuiu a responsabilidade do ataque ao EI.

- 19 de março: morte de quatro turistas em Istambul (três israelenses e um iraniano) em um atentado suicida na famosa avenida Istiklal. As autoridades afirmaram que foi lançado pelo grupo Estado Islâmico.

- 12 de janeiro: morte de 12 turistas alemães em um atentado suicida em Sultanhamet, em pleno centro turístico de Istambul. As autoridades acusaram o EI.

- 2015 -
- 10 de outubro: 103 mortos em um duplo atentado suicida durante uma manifestação pró-curda. A autoria deste ataque, o mais mortífero da história da Turquia, foi atribuída ao EI.

- 20 de julho: 34 mortos em Suruç, perto da fronteira com a Síria, em um atentado contra ativistas da causa curda. As autoridades culparam o EI.

Veja também

Petróleo continua caindo apesar de retomada da demanda nos EUA
Petróleo

Petróleo continua caindo apesar de retomada da demanda nos EUA

Conservadores britânicos sofrem revés nas eleições locais
Londres

Conservadores britânicos sofrem revés nas eleições locais

Newsletter