'Youtuber' morre ao pular de paraquedas e cair em fábrica de cimento

Homem de 29 anos tinha um canal de esportes no YouTube

Imagem de outro vídeo em que o Youtuber praticava saltosImagem de outro vídeo em que o Youtuber praticava saltos - Foto: Reprodução / Youtube

Um homem de 29 anos morreu na manhã desta quarta-feira (7) em uma fábrica de cimento espanhola após fazer um salto de paraquedas. Dono de um canal no YouTube, ele era dedicado a esportes de risco e tinha a intenção de gravar seu salto, segundo informaram fontes ouvidas pelo jornal El País. Seus vídeos na plataforma mostravam saltos de pontes e voos de parapente e paraquedas. No entanto, ele tinha apenas seis assinantes no canal.

Segundo apurou o jornal, o homem e um amigo pularam a cerca que impedia o acesso a uma fábrica de cimento da empresa Cemex, um recinto privado e em funcionamento, localizada na fronteira entre as cidades de Alicante e San Vicente del Raspeig, na Espanha.

Leia também:
Após acidente, cavaleiro retorna ao Brasil e será operado
Conar debate regras para publicidade feita por youtubers
Acidente com embarcação deixa duas turistas mortas em Alagoas

Eles subiram uma torre de cerca de 50 metros e o homem que morreu foi o primeiro a pular. No entanto, seu paraquedas não abriu e ele acabou morrendo ao cair no chão. O motivo pelo qual o paraquedas não abriu ainda não foi informado.

Segundo o centro de coordenação de emergência da Comunidade Valenciana (CICU), agentes da polícia local de San Vicente e uma unidade do serviço de emergência do SAMU foram até o local, mas não puderam fazer nada pelo homem, que já havia morrido.

Veja também

Rússia considera novas sanções ocidentais 'inaceitáveis'
Mundo

Rússia considera novas sanções ocidentais 'inaceitáveis'

Alemanha multará empresas que não respeitarem os direitos humanos no exterior
Medida

Alemanha multará empresas que não respeitarem os direitos humanos no exterior