Coronavírus

Natal aumenta medidas restritivas contra avanço do novo coronavírus

De acordo com o prefeito, um decreto será publicado ainda nesta segunda-feira (22) com o detalhamento destas medidas

Prefeito de Natal, Álvaro DiasPrefeito de Natal, Álvaro Dias - Foto: Prefeitura de Natal

O prefeito de Natal, Álvaro Dias (PSDB), anunciou novas medidas restritivas para conter o avanço da Covid-19. Nesta segunda-feira (22), em seu Twitter, o gestor da capital potiguar anunciou novos limites e proibições para bares, restaurantes, lojas deconveniências e similares. 

Para bares e restaurantes, o limite de funcionamento será até 22h. Também foi proibida a venda de bebidas alcoólicas após esse horário em conveniências e similares. Música ao vivo também será proibida nesses estabelecimentos. 

O último boletim epidemiológico divulgado pela Prefeitura de Natal, nesse domingo, totalizouu 44.473 casos do novo coronavírus e 1.157 mortes causadas pela Covid-19 desde o início da pandemia. Outros 28.868 casos suspeitos aguardam respostas sobre os exames para detectar o vírus.
 
De acordo com o prefeito, um decreto será publicado ainda nesta segunda-feira (22) com o detalhamento dessas medidas. 

Defensor da Ivermectina como tratamento precoce contra a Covid-19 mesmo após a fabricante responsável pelo medicamento negar sua eficácia no combate ao novo coronavírus, o prefeito de Natal reforçou o pedido por respeito às medidas de prevenção. 

"Infelizmente são medidas necessárias em virtude da situação atual. Volto a fazer um apelo para mantermos as medidas de prevenção como máscara, álcool e o distanciamento social”, disse Álvaro Dias. 

Veja também

Após críticas, Governo Bolsonaro investiga professores da Universidade Federal de Pelotas
Presidente

Após críticas, Governo Bolsonaro investiga professores da Universidade Federal de Pelotas

Justiça de Hong Kong mantém na prisão os 47 militantes pró-democracia
Internacional

Justiça de Hong Kong mantém na prisão os 47 militantes pró-democracia