Doação de sangue

Neste feriado, Hemato faz convite para abastecer seus estoques de sangue

O banco de sangue estará aberto, das 7h às 18h, na segunda-feira, Dia de Finados

O  hemocentro dispõe de todos os critérios de segurança estabelecidos pela OMSO hemocentro dispõe de todos os critérios de segurança estabelecidos pela OMS - Foto: Cortesia/ Hemato
Com o objetivo de aumentar seus estoques, o Banco de Sangue Hemato convida os doares para realizarem este gesto de solidariedade no Dia de Finados, 2 de novembro. O banco de sangue funcionará das 7h às 18h. O procedimento da doação dura em média 40 minutos, não dói e ainda sobra tempo para descansar e ficar a família.

O Hemato está localizado em um novo endereço, na rua Dom Bosco, 723, no bairro da Boa vista. O atendimento de segunda a sexta-feira acontece das 7h as 18. Nos sábados, das 8h as 18 e aos domingos. O estacionamento é gratuito. Maiores informações, através do telefone 81 3972-4050 ou pelo WhatsApp  81 98107-0076.
 
Uma só doação pode salvar até quatro vidas. Entretanto, com a pandemia, os estoques de sangue vêm oscilando com uma média de 35% abaixo do ideal. Para atingir o nível desejável que atende com tranquilidade a todos os pacientes dos hospitais conveniados que necessitam de transfusões e outros procedimentos, a unidade necessita de 100 doações por dia.
 
"Estamos fazendo essa sensibilização para incentivar a população a doar sangue, pois os hospitais de grande porte retomaram as cirurgias eletivas que estavam suspensas devido à pandemia do novo coronavírus. Com isso, houve um aumento na demanda por transfusões de sangue. Alguns pacientes internados com covid-19, com quadro de agravamento, também estão utilizando hemocomponentes”, explica Ana Luiza Araújo, líder de captação do Banco de Sangue Hemato.
 
A líder de captação ressalta que o Hemato dispõe de todos os critérios de segurança estabelecidos pela Organização Mundial de Saúde para atender a população com segurança e, assim, não deixar o paciente sem atendimento. Para a realização das doações, alguns requisitos básicos são adotados:
 
Apresentar um documento oficial com foto (RG, CNH, etc);
Ter idade entre 16 e 69 anos, desde que a primeira doação seja realizada até os 60 anos (menores de idade precisam de autorização e presença dos responsáveis no ato da doação);
Estar em boas condições de saúde;
Pesar no mínimo 50 kg;
Não ter feito uso de bebida alcoólica nas últimas 12 horas;
Se ingerir alimentos gordurosos, aguardar três horas. Não é necessário estar em jejum;
Se fizer tatuagem e/ou piercing, aguardar 12 meses. Se o piercing for na língua ou região genital, além de aguardar 12 meses é necessário retirar a joia;
Se passou por endoscopia ou procedimento endoscópico, aguardar seis meses;
Não ter tido gripe ou resfriado nos últimos 30 dias; 
Não ter tido sífilis, doença de chagas ou AIDS
Não ter diabetes em uso de insulina;
Hipertensos, pessoas que fazem uso de medicamentos ou que passaram por cirurgias, devem consultar a equipe do banco de sangue.
 
Há também critérios específicos para o coronavírus:
Candidatos que apresentaram sintomas de gripe e/ou resfriado devem aguardas 30 dias após cessarem os sintomas para realizar a doação;
Candidatos que viajaram para o exterior devem aguardar 14 dias após a data de retorno para realizar doação de sangue; 
Candidatos à doação de sangue que tiveram contato, nos últimos 30 dias, com pessoas que apresentaram diagnóstico clínico e/ou laboratorial de infecções pelos vírus SARS, MERS e/ou 2019-nCoV, bem como aqueles que tiveram contato com casos suspeitos em avaliação, deverão ser considerados inaptos pelo período de 14 dias após o último contato com essas pessoas;
Candidatos à doação de sangue que foram infectados pelos SARS, MERS e/ou 2019-nCoV, após diagnóstico clínico e/ou laboratorial, deverão ser considerados inaptos por um período de 30 dias após a completa recuperação (assintomáticos e sem sequelas que contraindique a doação). 
 
 
 
 
 
 
  
 
 
 

 

 

Veja também

Pernambuco registra 781 casos da Covid-19 nas últimas 24h e 25 novas mortes
Coronavírus

Pernambuco registra 781 casos da Covid-19 nas últimas 24h e 25 novas mortes

ONU condena 'racismo estrutural' no Brasil após assassinato de João Alberto
Racismo

ONU condena 'racismo estrutural' no Brasil após assassinato de João Alberto