Netflix e instituto audiovisual disponibilizam R$ 5 mi para ajudar trabalhadores do setor no Brasil

A ideia é beneficiar até 5.000 pessoas com depósito único no valor do salário mínimo, R$ 1.045

NetflixNetflix - Foto: Pixabay

A Netflix anunciou nesta terça-feira (14) a doação de R$ 5 milhões para ajudar trabalhadores do setor audiovisual brasileiro que foram afetados pela quarentena do novo coronavírus. O valor faz parte de um fundo criado pela plataforma, junto com o Icab (Instituto de Conteúdos Audiovisuais Brasileiros).

Leia também:
Drama Turco 'Milagre na Cela 7' é um dos mais vistos da Netflix
Ebooks grátis de Vinicius de Moraes para esta terça de quarentena

A iniciativa pretende ajudar profissionais como produtores, assistentes e operadores de câmera, maquiagem, figurino, entre outros, que em sua maioria recebem por semana ou não têm contratos garantidos. A ideia é beneficiar até 5.000 pessoas com depósito único no valor do salário mínimo, R$ 1.045.

Segundo a Netflix, a doação da plataforma faz parte do fundo US$ 100 milhões (cerca de R$ 505 mi), anunciado no dia 20 de março, para ajudar pessoas do setor prejudicadas pela pandemia em vários países como o Brasil, que, segundo a plataforma, "é onde a Netflix tem uma grande base de produção".

"A comunidade criativa brasileira sempre recebeu muito bem a Netflix e agora queremos fazer nossa parte para ajudar quem precisa de apoio neste momento sem precedentes que vivemos", disse no comunicado desta terça o vice-presidente de produções para América Latina da Netflix, Francisco Ramos.

O fundo, no entanto, será gerenciado pelo Icab, que receberá, a partir de 28 de abril, as inscrições dos profissionais que solicitarem a ajuda pelo site do Icab (icabrasil.org). A escolha pelos beneficiados será feita por um comitê formado por membros do instituto, da Bravi (Brasil Audiovisual Independente) e da Netflix.

As inscrições poderão ser feitas por dois meses ou até que os recursos do fundo se esgotem. O diretor-executivo do ICAB, Mauro Garcia, afirma que a ideia é "convocar outros membros da indústria audiovisual do país para contribuir e aumentar os recursos".

Acompanhe a cobertura em tempo real da pandemia de coronavírus

 

 

Veja também

Grande parte dos índios não sabe o que é dinheiro, diz Bolsonaro
Política

Grande parte dos índios não sabe o que é dinheiro, diz Bolsonaro

Fies 2021.2: estudantes já podem conferir se foram pré-selecionados
Educa Mais

Fies 2021.2: estudantes já podem conferir se foram pré-selecionados