A-A+

Coronavírus

Noronha não seguirá novas medidas e mantém restrição de serviços não essenciais das 22h às 5h

Na ilha, segundo comunicado assinado pelo administrador Guilherme Rocha, seguirá vigente a determinação anterior

Fernando de NoronhaFernando de Noronha - Foto: Fabio Nóbrega/Portal FolhaPE

O arquipélago de Fernando de Noronha ficará de fora das novas medidas restritivas anunciadas pelo Governo de Pernambuco, na segunda-feira (1º).

Na ilha, segundo comunicado assinado pelo administrador Guilherme Rocha, seguirá vigente a determinação que proíbe atividades não essenciais de 22h às 5h, em todos os dias da semana.

A decisão vale até 17 de março e visa conter o avanço da Covid-19 - a ocupação de leitos da rede pública alcançou 93% na segunda-feira.

No restante do Estado, as atividades não essenciais serão proibidas entre 20h e 5h de segunda a sexta-feira e durante todo o fim de semana, também até 17 de março.

"Lembramos a todos - moradores, trabalhadores e turistas - a fundamental importância de serem observadas todas as medidas de proteção, como o uso de máscaras, higienização das mãos e distanciamento social", diz trecho do comunicado.

Coronavírus em Fernando de Noronha
O último boletim divulgado pela Administração de Fernando de Noronha, na última sexta-feira (26), aponta para um total de 539 casos confirmados de Covid-19 em Fernando de Noronha, sendo 457 locais e 82 importados - aqueles registrados no continente.

A ilha registrou dois óbitos em decorrência da doença. Na última atualização, a Administração informou que ha um paciente internado em um hospital de referência no Recife e outros 57 em quarentena na ilha.

Veja também

Grávida, noiva dirige até o próprio casamento após rejeições de corridas por aplicativo
Independência

Grávida, noiva dirige até o próprio casamento após rejeições de corridas por aplicativo

Marrocos apreende carregamento de cocaína procedente do Brasil
Tráfico de Drogas

Marrocos apreende carregamento de cocaína procedente do Brasil