Serviços funcionam diariamente, na sede do Cefospe e no Centro de Convenções, atendendo também familiares dos servidores
Serviços funcionam diariamente, na sede do Cefospe e no Centro de Convenções, atendendo também familiares dos servidoresFoto: Hélia Scheppa/SEI

Pernambuco ganhou mais dois centros avançados de testagem para profissionais das áreas de saúde e da segurança, bem como dos seus familiares, com os quais tenham contato domiciliar e que estejam apresentando sintomas gripais. Cada centro terá a capacidade de realizar, inicialmente, até 60 testagens e coletas por dia.

Os postos, sob a coordenação das secretarias estaduais de Saúde (SES) e de Administração (SAD), funcionam diariamente, inclusive aos sábados e domingos, das 8h às 17h, no Centro de Formação dos Servidores e Empregados Públicos do Estado de Pernambuco (Cefospe) – instituição vinculada à SAD, no bairro da Boa Vista, área central do Recife – e no Centro de Convenções de Pernambuco (Cecon-PE), no Complexo de Salgadinho, em Olinda.

Os novos centros avançados realizam dois tipos de exames: o RT-PCR, nos casos dos profissionais, preferencialmente testado até o sétimo dia do início dos sintomas gripais, podendo, porém, ser estendido até o décimo dia, caso persistam os sintomas; e o teste rápido, para os casos em que o paciente esteja há mais de sete dias do início dos sintomas e também com mais de 72h desde o desaparecimento dos sintomas.

Leia também:
Mais de 200 mil pessoas morreram no mundo pelo novo coronavírus
Pernambuco registra recorde diário de casos da Covid-19


No local, atuarão técnicos de enfermagem para a coleta do swab nasal-orofaríngeo, além de profissionais administrativos, limpeza e segurança, bem como de sanitaristas que gerenciarão cada serviço. As amostras biológicas serão processadas nos laboratórios Aggeu Magalhães e Genomika, e em seguida serão validadas no Laboratório Central de Saúde Pública (Lacen-PE). O quantitativo de testes diários poderá aumentar de acordo com a demanda.

“Essa é mais uma iniciativa do Governo de Pernambuco em favor dos trabalhadores que atuam na linha de frente do combate ao novo coronavírus. Os centros serão essenciais no sentido de unificar os esforços para realizarmos uma ampla testagem dos profissionais da saúde, da segurança e dos familiares que têm contato direto com eles. Além de tranquilizar o profissional ou familiar que apresente sintomas gripais, reservando um local específico para a testagem rápida e segura, essa iniciativa dará maior agilidade e transparência ao diagnóstico desse público”, ressaltou o secretário de Saúde de Pernambuco, André Longo.

“A ação implementada pelo Governo do Estado, envolvendo ambas as secretarias, tem uma grande importância no enfrentamento à pandemia. Com a abertura das unidades de testagem daremos mais celeridade no diagnóstico da doença junto aos servidores de saúde e também dos militares. São duas categorias que desempenham serviços essenciais, incansáveis na prestação de serviços à sociedade”, reforçou a secretária estadual de Administração, Marília Lins.

Para realizar a testagem, o profissional de saúde ou de segurança precisa agendar o atendimento por e-mail (para a unidade Cefospe: ([email protected]); e para unidade Cecon: ([email protected]), anexando uma solicitação escrita da chefia imediata da unidade onde atua. O mesmo protocolo serve para os familiares do profissional, que precisam apresentar a solicitação escrita da chefia imediata do parente.

Recursos
O governador Paulo Câmara sancionou, na manhã deste sábado (25), a lei que autoriza a aplicação de US$ 18 milhões em ações de enfrentamento ao novo coronavírus. As verbas são referentes ao saldo de operação de crédito do Governo de Pernambuco junto ao Banco Mundial. O montante é remanescente do Programa Pernambuco Rural Sustentável (PRS) e o excedente financeiro deve-se à supervalorização cambial, uma vez que o contrato foi firmado em 2012, quando o dólar estava cotado em R$ 1,55. “Esse investimento será importante para fortalecer a infraestrutura pública de saúde em Pernambuco. É fundamental destacar ainda que o redirecionamento dos recursos não traz nenhum prejuízo às ações e projetos desenvolvidos no âmbito do programa, que é gerido pelo ProRural”, afirmou Paulo Câmara.

veja também

comentários

comece o dia bem informado: