App Fogo Cruzado
App Fogo CruzadoFoto: Reprodução

Um aplicativo gratuito para mapear a violência armada estará disponível para usuários da Região Metropolitana do Recife (RMR) a partir do próximo domingo (1º). O "Fogo Cruzado", lançado no Rio de Janeiro em agosto de 2016, permite que qualquer cidadão compartilhe dados toda vez que presenciar ou ouvir um tiroteio ou disparo de arma de fogo. Recife é a segunda capital brasileira a contar com o app, que terá parceria com o Núcleo de Pesquisas em Políticas de Segurança da UFPE para análise dos dados.

Leia também:
Ato contra violência espalha mil cruzes na praia do Pina
Capitão reformado da PM é assassinado em briga de trânsito, em Igarassu
Número de homicídios em Pernambuco cai em fevereiro, diz SDS


Para usar a ferramenta, é necessário preencher um formulário no app. A informação enviada sobre os disparos é transformada em uma notificação em um mapa da Região Metropolitana do Recife. Os usuários podem receber notificações de tiroteios e disparos de armas de fogo em tempo real, sendo possível ativar a função automaticamente quando o usuário estiver em um raio de 3 quilômetros do local da ocorrência. O usuário poderá ainda optar por receber todas as notificações registradas no aplicativo.

A equipe do Fogo Cruzado também adiciona às bases de dados as informações recolhidas via imprensa e canais das autoridades policiais, sinalizadas de acordo com suas fontes. Jornalistas, pesquisadores, técnicos e público em geral podem acessar filtros de busca para depurar informações no site ou no aplicativo do Fogo Cruzado de acordo com bairros, datas, vítimas e outros critérios, gerando relatórios personalizados.

Em 2017, Pernambuco registrou 5.427 assassinatos, segundo a Secretaria de Defesa Social (SDS). Este ano, até o fim de fevereiro, foram computadas 867 mortes. Desse total, houve 113 mortes no Recife. Na Região Metropolitana do Recife (exceto a capital), 273 casos foram registrados - os municípios com maior quantidade de homicídios foram Jaboatão dos Guararapes e Olinda, onde aconteceram, respectivamente, 66 e 46 crimes.

veja também

comentários

comece o dia bem informado: