Donald Trump
Donald TrumpFoto: Andrew Caballero-Reynolds / AFP

O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, e da França, Emmanuel Macron, protagonizaram um embate antes da reunião de cúpula da Otan, em Londres, nesta terça-feira (3).

Em novembro, Macron havia criticado, em entrevista à revista The Economist, a ofensiva militar da Turquia no nordeste da Síria para expulsar as milícias curdas, que considera terroristas, da região.

Leia também:
Ao citar Trump, Mourão nega que Brasil desvalorize moeda artificialmente
Não é momento de Bolsonaro ligar para Trump, diz porta-voz


"O que estamos vivendo atualmente é a morte cerebral da Otan. Não há nenhuma coordenação na tomada de decisões estratégicas entre Estados Unidos e seus aliados da Otan. Nenhuma", afirmou o presidente francês.

Nesta terça, Trump afirmou que o líder francês foi muito insultante. "Foi uma declaração forte. Quando você diz algo assim, é uma declaração muito, muito desagradável aos 28 países", disse Trump, em referência ao total de integrantes da aliança militar liderada pelos EUA.

Trump ainda ameaçou taxar produtos franceses. O presidente americano disse que o país está com uma taxa de desemprego muito alta e começa a taxar produtos dos outros países. "Então logo nós vamos taxá-los", afirmou o líder norte-americano.

O presidente da Turquia, Recep Tayyip Erdogan, já havia criticado Macron pela mesma declaração polêmica. "Primeiro analise sua própria morte cerebral. Essas declarações servem apenas para pessoas como você, que estão em um estado de morte cerebral", disse ele, em discurso na TV.

veja também

comentários

comece o dia bem informado: