Segundo a Polícia Rodoviária Federal (PRF), o ônibus que vinha do estado de Minas Gerais em direção ao município de Princesa Isabel, na Paraíba, estava realizando uma ultrapassagem irregular em local proibido
Segundo a Polícia Rodoviária Federal (PRF), o ônibus que vinha do estado de Minas Gerais em direção ao município de Princesa Isabel, na Paraíba, estava realizando uma ultrapassagem irregular em local proibidoFoto: Divulgação/PRF

Dois acidentes de trânsito na BR-232, no Sertão, causaram três mortes e deixaram três feridos. As colisões aconteceram no km 432 da rodovia, no município de Serra Talhada, e aconteceram a uma distância de cem metros uma da outra.

O primeiro acidente aconteceu na manhã desse domingo, quando um ônibus colidiu frontalmente com uma caminhonete, matando uma pessoa. Segundo a Polícia Rodoviária Federal (PRF), o ônibus, que vinha do estado de Minas Gerais em direção ao município de Princesa Isabel, na Paraíba, realizou uma ultrapassagem irregular e, quando retornava para a faixa correta, bateu de frente na caminhonete, onde estava apenas o motorista, que faleceu no local.

Leia também:
Acidente de asa delta deixa dois feridos em Vicência
Permanece internado na Argentina casal pernambucano que sofreu acidente de moto


Com o impacto do acidente, a caminhonete ficou destruída e entrou na contramão da rodovia. Nenhum dos três passageiros que estavam no ônibus se feriu. O motorista fez o teste do bafômetro na delegacia de Serra Talhada, mas o resultado foi normal.

Cinco horas depois, a 100 metros do primeiro acidente, uma empresa de guincho fechou a rodovia 432 para retirar o ônibus, sem informar à PRF, e provocou um grande congestionamento no local. De acordo com a PRF, nesse momento, o motorista de um carro ultrapassou um caminhão e acabou colidindo na traseira de outro caminhão, que estava parado no congestionamento.

Dois passageiros que estavam no carro que fez a ultrapassagem faleceram. O motorista, e outros dois passageiros que estavam no banco de trás ficaram feridos e foram encaminhados para o Hospital Prof. Agamenon Magalhães, em Serra Talhada, mas não tiveram o estado de saúde divulgado.

veja também

comentários

comece o dia bem informado: