Ação contra privatização na sede do Serpro, em Recife.
Ação contra privatização na sede do Serpro, em Recife.Foto: Divulgação/ SIndPD.

O Serviço Federal de Processamento de Dados (Serpro) e a Empresa de Tecnologia e Informações da Previdência (Dataprev), duas instituições estatais de processamento e armazenamento de dados, se reúnem, nesta quarta-feira (11), em mobilizações contra privatização anunciada pelo Governo Federal no mês de agosto. Na sede do Serpro em Pernambuco, no bairro de Parnamirim, o ato promove assembleia com teor informativo e faz panfletagem no semáforo próximo da empresa.

Desde agosto, o Sindicato dos Trabalhadores em processamento de Dados (SIndPD) tem articulados ações de combate às privatizações em todo o Brasil. De acordo com o sindicato, a assembleia que aconteceu nesta manhã apresentou o cenário atual do país e discutiu protestos passados e futuros.

Leia também:
Trabalhadores dos Correios entram em greve por tempo indeterminado
Após protestos, Governo estuda regulamentar transporte intermunicipal por carros particulares
Motoristas de transportes alternativos protestam em vias de Pernambuco

Juntas, as duas empresas contabilizam aproximadamente 14 mil trabalhadores no país e são responsáveis pela maioria das informações que são registrados por órgãos públicos, desde dados de cartório até dados relacionados à previdência. Para Sheyla Lima, presidenta do SIndPD, fazer o repasse dessa responsabilidade para o âmbito privado representa uma perda de autonomia por parte do Estado. “Se essas informações passarem para o poder privado, elas podem ser vendidas e utilizadas da pior forma possível porque o governo não vai ter controle”, afirma.

Ainda, o SIndPD informa que o dia 20 de setembro será marcado por ato em luta pela soberania do país e em defesa da Amazônia.

veja também

comentários

comece o dia bem informado: