Willian César dos Santos, de 27 anos, suspeito de jogar soda cáustica na ex-companheira, Mayara Araújo, de 19 anos
Willian César dos Santos, de 27 anos, suspeito de jogar soda cáustica na ex-companheira, Mayara Araújo, de 19 anosFoto: Reprodução

A Secretaria de Saúde do Recife informou nesta segunda-feira (8) que abriu processo de inquérito administrativo e pedido de afastamento imediato de Willian César dos Santos, de 27 anos, suspeito de jogar soda cáustica na ex-companheira, Mayara Araújo, de 19 anos, na última quinta-feira (4), no bairro de Nova Descoberta, na Zona Norte. A medida está prevista no Estatuto do Servidor do Recife.

Segundo a Prefeitura do Recife (PCR), Willian é agente comunitário de saúde e ingressou na secretaria por meio de concurso público. Ele começou a trabalhar sem qualquer registro na certidão de antecedentes criminais apresentada no ato de posse, segundo a gestão municipal. Além disso, acrescenta a PCR, durante seu período como servidor não houve registro negativo na sua ficha funcional.

Leia também:
Homem que jogou ácido em ex-companheira ainda está solto
Jovem atacada com soda cáustica pelo ex-companheiro é transferida para UTI


Desde a última sexta-feira (5) a Polícia Civil procura o suspeito, mas ele ainda não foi preso. O amigo de Willian, Paulo Henrique dos Santos, que teria o ajudado a cometer o crime, já está preso no Centro de Observação e Triagem Professor Everardo Luna (Cotel), em Abreu e Lima, na Região Metropolitana do Recife. Já Mayara segue internada em estado gravíssimo e foi transferida nesse domingo (7) para a UTI do Hospital da Restauração (HR), no bairro do Derby, área central do Recife.

veja também

comentários

comece o dia bem informado: