Procissão em homenagem a São Pedro em Brasília Teimosa
Procissão em homenagem a São Pedro em Brasília TeimosaFoto: Ed Machado/Folha de Pernambuco

Católicos comemoram o dia de São Pedro, o primeiro papa, nesta sexta-feira (29). O terceiro santo do ciclo junino foi celebrado com uma missa presidida pelo arcebispo de Olinda e Recife, dom Fernando Saburido, no bairro de Brasília Teimosa, na Zona Sul do Recife, que nasceu em torno da Colônia de Pescadores Z1. São Pedro é considerado pela devoção católica o padroeiro dos pescadores.

"São Pedro foi aquele escolhido por Jesus para ser o líder, o seu sucessor. Ele era pescador, uma pessoa simples e humilde e que foi escolhido nesta condição para ser o líder da Igreja e dos apóstolos de Cristo. Ele é o patrono dos pescadores", explicou o arcebispo. A missa foi celebrada em um altar montado em frente à sede da colônia. No início da manhã, uma salva de fogos de artifício abriu as homenagens do dia dedicado ao santo.

Leia também:
Fiéis celebram Dia de Santo Antônio no Recife
Arquidiocese de Olinda e Recife celebra o Corpus Christi


O dia do Papa também é celebrado nesta sexta-feira. "É o dia em que rezamos e pedimos a Deus de modo especial pelo papa. Suplicamos para que ele, que é o representante visível de Deus em nosso meio, possa continuar na missão de Pedro", completou dom Fernando.

A programação durante o dia inclui ainda uma procissão que saiu às 14h de frente à Capela de São Pedro com destino ao Iate Clube, no Cabanga, também na Zona Sul. Do local, saíram embarcações decoradas com a imagem de São Pedro em uma procissão pelo mar com destino ao Porto do Recife, na área central da Capital. De lá, o cortejo marítimo voltou para Brasília Teimosa.

Para a moradora de Brasília Teimosa Leylane Tenório, de 37 anos, a procissão é importante para celebrar a fé e o amor. "Estar percorrendo esse caminho é uma forma de propagar a paz diante de tantas dores que há no mundo", afirmou.  A funcionária pública Sônia Mignac é devota de São Pedro assim como os filhos e outros familiares. Das graças alcançadas, ela lembra sobre o emprego que recuperou na década de 80. "Fui demitida e fiz uma promessa. Passei seis meses sem comer carne vermelha nas sextas-feiras. Pouco depois consegui outro emprego, graças à fé em São Pedro", comentou. Sua filha, Grazielly Mignac, também devota, acompanha o cortejo há 25 anos. "Tudo que peço, ele intercede, sou muito grata a ele", disse.

Apresentações culturais foram preparadas para a festa de São Pedro. Entre as atrações, Quinteto Violado, Maestro Forró e o homenageado do Ciclo Junino do Recife 2018, Geraldinho Lins.

Procissão em homenagem a São Pedro em Brasília Teimosa
Procissão em homenagem a São Pedro em Brasília TeimosaFoto: Ed Machado/Folha de Pernambuco
Procissão em homenagem a São Pedro em Brasília Teimosa
Procissão em homenagem a São Pedro em Brasília TeimosaFoto: Ed Machado/Folha de Pernambuco
Procissão em homenagem a São Pedro em Brasília Teimosa
Procissão em homenagem a São Pedro em Brasília TeimosaFoto: Ed Machado/Folha de Pernambuco
Procissão em homenagem a São Pedro em Brasília Teimosa
Procissão em homenagem a São Pedro em Brasília TeimosaFoto: Ed Machado/Folha de Pernambuco
Procissão em homenagem a São Pedro em Brasília Teimosa
Procissão em homenagem a São Pedro em Brasília TeimosaFoto: Ed Machado/Folha de Pernambuco
Católicos celebram São Pedro em Brasília Teimosa
Católicos celebram São Pedro em Brasília TeimosaFoto: Anderson Stevens/Folha de Pernambuco
Católicos celebram São Pedro em Brasília Teimosa
Católicos celebram São Pedro em Brasília TeimosaFoto: Anderson Stevens/Folha de Pernambuco
Católicos celebram São Pedro em Brasília Teimosa
Católicos celebram São Pedro em Brasília TeimosaFoto: Anderson Stevens/Folha de Pernambuco
Católicos celebram São Pedro em Brasília Teimosa
Católicos celebram São Pedro em Brasília TeimosaFoto: Anderson Stevens/Folha de Pernambuco

veja também

comentários

comece o dia bem informado: