Saúde e Bem-Estar

Rafael Coelho

ver colunas anteriores
Rafael Coelho, e-mail: contato@rafaelcoelho.med.br | Instagram: @drrafaelcoelho | Facebook: /rafaelcoelho
Rafael Coelho, e-mail: contato@rafaelcoelho.med.br | Instagram: @drrafaelcoelho | Facebook: /rafaelcoelhoFoto: Folha de Pernambuco

Olá, leitores e internautas que acompanham a coluna Saúde e Bem-Estar

O festejo de Carnaval já está chegando na sua reta final. O excesso de álcool pode baixar a glicose no sangue e ter glicemia, podendo levar a pessoa ao desmaio. O fígado é o órgão humano mais afetado pelo álcool. O velho ditado somos o que comemos reflete esse clima da festa. Alimentos processados e embutidos também devem ser evitados. Manter-se hidrato é fundamental para deixar os rins funcionando adequadamente. Como a época é bastante quente se requer um cuidado redobrado. Água, pelo menos dois litros por dia, água de coco e sucos são fontes de hidratação. O soro caseiro, em caso de desidratação, é bastante aconselhado. Os sucos de abacaxi, uva, morango e laranja são os mais indicados para melhorar a digestão. O preparo do alimento é muito importante para conservar os nutrientes. De preferência consumir legumes e verduras in natura. Carnes deverão ser cozidas, preferindo os assados e grelhados em relação aos fritados. Ter cautela com os gratinados. São dicas pontuais, mas, essenciais para poder viver muito bem esse momento de festa. Engordar, aumentar o colesterol, adquirir gordura no fígado (esteatose), são processos contínuos. Os alimentos quentes e que não foram levados ainda à refrigeração deverão ser colocados para congelar ou resfriar. Muito cuidado com o excesso de álcool e comidas mal acondicionadas. Curta a festa com saúde e bem-estar.

Busque sempre a sua melhor versão. Siga-me nas redes sociais e fique sempre atualizado com informações sobre saúde e bem-estar. Obrigado e até o próximo encontro

*Rafael Coelho (CRM: 23943/PE) é médico pós-graduado em Nutrologia pela Associação Brasileira de Nutrologia (ABRAN). Atende em consultório particular. Atua nas seguintes áreas: Emagrecimento, Hipertrofia, Longevidade, Performance Esportiva, Distúrbios Metabólicos, Bioimpedância. Pautas para Jademilson Silva – Jornalista - DRT: 3468 Email: contato@jademilsonsilva.com

Quem nunca cometeu aquela gafezinha legal numa consulta médica?

Raquel Monteiro é jornalista e youtuber

Raquel Monteiro é jornalista e youtuber - Foto: divulgação

A jornalista e youtuber recifense Raquel Monteiro volta a nos dar dicas de etiqueta social, dessa vez na consulta médica. Pois é, se você vai em busca de saúde, não basta só marcar a consulta, demonstre ao médico que você se preocupa de fato com a sua saúde, seu corpo, sua imagem. Não force o profissional a situações constrangedoras e deselegantes. Aqui vão algumas dicas para você evitar passar vergonha no encontro com seu médico.

1.Esteja sempre com a roupa íntima intacta, nada de furos, rasgões, fiapos soltos, manchas. Mostre que você é preocupado consigo mesmo e preserve sua imagem.

2.Tem chulé? Então vá ao banheiro antes da consulta, dá aquela lavadinha e enxugadinha básica nos pés, põe um talquinho e coloca novas meias.

3. Se comeu, corre no banheiro, passa aquele fio dental, dá aquela escovada nos dentes, faz um enxágue bucal e pronto, o médico vai ficar felizão em lhe atender.

4. Muita correria, tá suado, ainda no banheiro dá aquela lavadinha nas axilas, bota aquele desodorante arraso e... perfeito! Está pronto pra o encontro pela sua saúde.

5. Se você é um mentiroso profissional, larga mão da mentira na consulta, pois, pra consulta ser eficaz e o tratamento adequado, você precisa ser honesto.

6. Quer saber os valores de cirurgias ou de outros procedimentos? Então pergunte na recepção e não ao médico.

7. Não vem com essa de “esqueci a data da consulta”, imagina se o médico “esquece” de lhe atender! Ah, se organize!

8. Se programe pra chegar antes do horário agendado, há uma preparação para você ser atendido no horário marcado. Nada de atrasos!

9. Respeito é bom e todo mundo gosta; então, se você quer ser avisado de que seu médico não pode lhe atender no dia agendado, avise também caso você não vá à consulta marcada. Afinal, você dá espaço para quem leva a sério o compromisso.

10. Nada de forçar uma intimidade que não existe. Você vai dançar conforme a música que o profissional tocar. Tudo na medida certa.

Se você gostou das dicas, tem muitas outras no meu canal do YouTube o “Tenha Modos e Não Frescura”. Se inscreve, dá aquele like e compartilha os vídeos. Até a próxima.

Raquel Monteiro é jornalista e youtuber

** A Folha de Pernambuco não se responsabiliza pelo conteúdo das colunas


 

veja também

comentários

comece o dia bem informado: