Demolições do Estelita já têm início hoje
Demolições do Estelita já têm início hojeFoto: Arthur Motta / Folha de Pernambuco

Com autorização da Prefeitura, o projeto Novo Recife começou o trabalho de demolição de galpões próximos ao Cabanga nesta segunda-feira (25). Os galpões mais baixos, próximos ao viaduto serão preservados. Em nota, o Consórcio Novo Recife alega estar “cumprindo as diretrizes definidas pelo poder público” segundo o alvará de nº 710005014 expedido pela Prefeitura do Recife.

"Temos autorização para derrubar, bater estaca e começar a construir”, explicou o diretor de incorporação da Moura Dubeux, Eduardo Moura. Segundo ele, a construtora realizou um estudo de arqueologia na área e tem autorização para trabalhar no local. Vão, contudo, criar uma abertura no chão, para criar uma janela do tempo que mostra o passado do local, onde houve uma vila operária.

Leia também:
Prefeitura autoriza demolição de imóveis para o projeto Novo Recife
Projeto Novo Recife é liberado


Demoliremos os galpões mais que estão mais perto do Cabanga, como sempre esteve planejado. Os galpões mais baixos, próximos ao viaduto, não serão demolidos. Ali será área pública da Prefeitura. Além disso, construiremos um parque na orla, em frente à água. Concomitantemente, começaremos a construir o Mirante do Cais, a janela do tempo e o sistema viário alternativo ao atual. Quando ele estiver pronto, paramos o atual e construímos ali um parque”, concluiu.

Participantes de movimentos contra o Projeto Novo Recife e outros coletivos foram ao local para avaliar a situação. O projeto, que desde 2014 passa por mudanças, agora conta com a determinação de 65% da sua área para uso comum

Assista, no vídeo abaixo, a máquinas começando a derrubar galpões:


veja também

comentários

comece o dia bem informado: