Nova adutora de Tapacurá mais próxima de ser inaugurada

Obras visam atender a 160 mil moradores do município de Vitória de Santo Antão, na Zona da Mata de Pernambuco

O trio Amaro FreitasO trio Amaro Freitas - Foto: Helder Tavares/Divulgação

A nova adutora do Sistema Tapacurá, que passa por um processo de ampliação, inicia a fase de testes em novembro, anunciou a Companhia Pernambucana de Saneamento (Compesa). As obras visam a atender 160 mil moradores do município de Vitória de Santo Antão, na Zona da Mata de Pernambuco.

O equipamento conta com 27,5 mil metros de extensão e vai captar água na Barragem de Tapacurá, localizada em São Lourenço da Mata, na Região Metropolitana do Recife (RMR). Atualmente, os moradores de Vitória enfrentam um rigoroso calendário de abastecimento: um dia com água e 17 dias sem.

Ainda de acordo com a Compesa, as intervenções físicas para a implantação da adutora já foram concluídas. Agora, o novo sistema está na fase de energização para começar a funcionar.

O investimento em todo o projeto é de R$ 32 milhões, com recursos do Ministério da Integração Nacional, Banco Mundial, Governo do Estado/Compesa.

Atualmente, Vitória de Santo Antão recebe água de duas adutoras que bombeiam 200 litros de água por segundo para o município. Com a Adutora de Tapacurá, essa vazão vai dobrar, passando para 400 litros/segundo, o que irá permitir que a água chegue com mais frequência e pressão, alcançando também o Distrito Industrial e Bonança, em Moreno.

Veja também

Voluntário de testes da vacina de Oxford que morreu não recebeu a imunização
Testes

Voluntário de testes da vacina de Oxford que morreu não recebeu a imunização

Trump e Biden trocam ataques pessoais e mantêm civilidade em último debate duro
EUA

Trump e Biden trocam ataques pessoais e mantêm civilidade em último debate duro