coronavirus

Novos leitos para tratamento da Covid-19 são inaugurados em Serra Talhada, no Sertão

Com as novas vagas em Serra Talhada, a III Macrorregional de Saúde passa a contar com 112 leitos para pacientes suspeitos ou confirmados para a Covid-19

Novos leitos para Covid-19 no Hospital Eduardo Campos, em Serra TalhadaNovos leitos para Covid-19 no Hospital Eduardo Campos, em Serra Talhada - Foto: Hélia Scheppa / SEI

Foram inaugurados novos 30 leitos para tratamento exclusivo do novo coronavírus em Serra Talhada, no Sertão pernambucano. A estrutura do Hospital Eduardo Campos (HEC) recebeu 10 novos leitos de UTI e o hospital de campanha montado na área externa da unidade recebeu 20 leitos de enfermaria. No total, as unidades juntas somam 60 leitos dedicados ao tratamento da Covid-19. 

Atualmente, o HEC opera na sua primeira etapa, inaugurada pelo governador Paulo Câmara e pelo secretário estadual de Saúde, André Longo, no fim de julho. Até o momento, 56 pessoas já foram internadas com Covid-19 no HEC.

No próximo ano, será entregue a terceira etapa das obras do HEC. Quando estiver em sua plena capacidade, o hospital contará com cerca de 200 leitos, sendo 140 de internação. Ao todo, o hospital terá 10 mil metros quadrados de área construída, ampliando ainda mais o atendimento ao trauma e outras patologias na região, e evitando que a população sertaneja precise se deslocar para outras cidades, ou para a capital. Já a estrutura montada na área externa, exclusiva para a Covid-19, chegará a 100 leitos de enfermaria. Para erguer a estrutura, foram investidos R$ 1,3 milhão. 

Com as novas vagas em Serra Talhada, a III Macrorregional de Saúde passa a contar com 112 leitos para pacientes suspeitos ou confirmados para a Covid-19 espalhados entre serviços da região, sendo 48 de UTI. Com estas vagas,  Pernambuco atingiu, nesta quarta-feira (12.08), a marca de 828 leitos para a Covid-19 no interior do Estado, sendo 295 de terapia intensiva. Ao todo, o Governo estadual já conta com 1.976 vagas dedicadas exclusivamente ao novo coronavírus, sendo 883 de UTI e 1.093 de enfermaria, espalhados por todas as regiões. 

Segundo estudo do Conselho Federal de Medicina (CFM), que analisou o número de leitos nos estados e capitais brasileiros entre fevereiro e junho de 2020, Pernambuco aparece como o segundo do país em ampliação da rede hospitalar, atrás apenas de São Paulo. Outro levantamento divulgado pela Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz), coloca o Estado na segunda melhor posição na proporção de leitos de UTI adulto para Covid-19 quando relacionado com a sua população. Com uma taxa de 1,3 leitos de UTI para cada 10 mil habitantes, o Estado fica atrás apenas do Espírito Santo, que registra taxa de 1,5. Nesta quarta-feira (12.08), a taxa de ocupação dos leitos está em 52%, com 43% de ocupação das vagas de enfermaria e 62% nas de terapia intensiva.

Veja também

Academias da Cidade retomaram aulas presenciais
Saúde

Academias da Cidade retomaram aulas presenciais

Sem surpresas, Trump faz de discurso na ONU outro palanque eleitoral para convertidos
internacional

Sem surpresas, Trump faz de discurso na ONU outro palanque eleitoral para convertidos