Notícias

OAB irá apurar se execução de advogado tem ligação com atividade profissional

O veículo utilizado pelo executor do advogado estava com uma placa clonada. Após um rastreamento, um carro com a mesma placa foi apreendido. Dono prestou depoimento e foi liberado

Advogado é assassinado em CaruaruAdvogado é assassinado em Caruaru - Foto: Cortesia/WhatsApp

Ordem dos Advogados do Brasil seccional Pernambuco vai apurar se o assassinato do advogado André Ambrósio Ribeiro da Silva, de 46 anos, tem ligação com a atividade profissional dele. A Comissão de Defesa das Prerrogativas da OAB irá acompanhar de perto as investigações do caso. “Um crime bárbaro, uma execução sumária em circunstâncias chocantes”, afirmou o presidente da OAB-PE , Ronnie Duarte, pedindo urgência na elucidação do assassinato. 

O homicídio aconteceu no Loteamento Itamaraty, em Caruaru, na última quinta-feira (13), diante da filha do advogado e da babá dela. Imagens de câmera de segurança mostram o momento da execução. O caso será investigado pelo delegado Rodolfo Bacelar, da 20° Delegacia de Homicídios de Caruaru.

Leia também:
Advogado é executado em Caruaru


As imagens, que devem ajudar na elucidação do crime, mostram quando a vítima para o carro em frente a uma casa e tira a criança do veículo. Em seguida, um homem armado aborda o advogado, que entrega a criança a babá.

De acordo com o delegado, serão chamados para depor familiares, pessoas que estavam na área no momento do crime e a babá, que foi testemunha ocular do homicídio. Os depoimentos devem ser iniciados ainda nesta sexta-feira (13). "Também vamos verificar se câmeras de segurança de outros imóveis daquela área registraram algo. Isso pode nos ajudar a traçar a rota de fuga", observou Rodolfo Bacelar.

Carro com placa clonada

O veículo utilizado pelo executor do advogado, um Citroen AirCross, estava com uma placa clonada. Após um rastreamento, um carro com a mesma placa foi apreendido, na última quinta-feira (12), no bairro de Jardim Muribeca, em Jaboatão dos Guararapes. A polícia constatou, no entanto, que o carro usado no crime foi um Citroën Aircross do ano de 2013, enquanto o apreendido é de 2011.

Além disso, o carro encontrado está com um dos faróis quebrados, enquanto o usado no crime estava intacto e a cor dos carros seria aproximada e não idêntica. O automóvel será periciado nesta sexta-feira (13).

O dono do veículo prestou depoimento durante a madrugada e foi liberado. O Citroën possui duas multas antigas, uma por excesso de velocidade e uma, datada do último dia 1 de julho, em que a placa traseira do carro não estaria iluminada à noite.

 

Veja também

PF faz operações contra estudantes de medicina suspeitos de fraude no CadÚnico
Rio de Janeiro

PF faz operações contra estudantes de medicina suspeitos de fraude no CadÚnico

Mãe comenta exumação do corpo da filha, que teria sido envenenada por madrasta: "Que pague em dobro"

Mãe comenta exumação do corpo da filha, que teria sido envenenada por madrasta: "Que pague em dobro"