Oswaldo vê como natural oscilação entre os dois tempos do jogo

Técnico tentou justificar tamanha mudança da postura rubro-negra diante do Fluminense

Castelo EncantadoCastelo Encantado - Foto: Divulgação

Explicar tamanha mudança de desempenho, e parecer convincente, não é uma tarefa tão fácil. O técnico Oswaldo de Oliveira até tentou, logo após o confronto contra o Fluminense, neste sábado (1º). Na partida, o Sport fez um primeiro tempo superior, e chegou a descer para os vestiários com o placar de 1x0 ao seu favor. Na volta para o segundo tempo, foi completamente dominado. Resultado final: 3x1 para os cariocas. Apesar da postura do time na etapa final, o treinador rubro-negro minimizou as duas faces apresentadas pelo Leão.

“Essa alternância do primeiro tempo para o segundo tempo é natural. O adversário melhora. O Fluminense fez substituições e correções, e a gente não conseguiu conter. Mas eu acredito que no segundo tempo, tivemos chances e evoluímos bem, mas não conseguimos marcar”, disse o treinador. “É claro que no primeiro tempo a gente teve mais chance, inclusive três que poderiam nos dar uma maior tranquilidade para o jogo”, completou.

Apesar de o Sport já ter protagonizado esta situação em outras oportunidades, com queda de produção no segundo tempo, o técnico Oswaldo de Oliveria afirmou não acreditar nesta teoria. “Eu acho que contra o Fluminense, diferente de outras oportunidades, não jogamos mal no segundo tempo. Inclusive, há pouco tempo, a gente fez um bom segundo tempo contra o Santa Cruz e vencemos”, contou. “Sempre trabalhamos para jogar bem durante todo o jogo, mas o adversário tem a mesma intenção.”

Veja também

WhatsApp quer permitir que empresas façam vendas direto no aplicativo
Tecnologia

WhatsApp quer permitir que empresas façam vendas direto no aplicativo

Comitê do Senado aprova nomeação de juíza ultraconservadora para a Suprema Corte dos EUA
Mundo

Comitê do Senado aprova nomeação de juíza ultraconservadora para a Suprema Corte dos EUA