Para ex-ministro Mandetta, Pará será novo epicentro da pandemia

Com todos os leitos de UTI ocupados, prefeitura de Santarém, no Pará, anunciou lockdown neste sábado (16)

Ex-ministro da Saúde, Henrique MandettaEx-ministro da Saúde, Henrique Mandetta - Foto: Reprodução/Instagram

Com todos os leitos de UTI ocupados, a prefeitura de Santarém (700 km a oeste de Belém) anunciou neste sábado (16) o lockdown do município pelo prazo inicial de dez dias. A cidade dispõe de 35 leitos de UTI, 27 no Hospital Regional do Baixo Amazonas, da rede estadual, e 8 no hospital municipal. Na manhã deste sábado (22), 22 pacientes em estado grave esperavam por uma vaga.

Santarém sedia o 9º Centro Regional de Saúde da Secretaria de Estado de Saúde Pública e é polo de uma região de cerca de 1,2 milhão habitantes. É a única com UTI entre 20 municípios. Com a epidemia, passou a atender outras nove cidades, aumentando a pressão sobre a rede.

Leia também:
Pernambuco tem recorde diário de casos da Covid-19 nas últimas 24h
Teich já entrou caído, dizem entidades, que temem piora no combate à pandemia
Covid-19 já alcançou 38 povos indígenas no Brasil, alerta associação

A decisão foi tomada por unanimidade pelo Comitê de Gestão de Crise do município. O prefeito Nélio Aguiar (DEM) pedirá ao governador Helder Barbalho (MDB) que inclua Santarém no decreto que já colocou dez municípios paraenses em lockdown até o próximo domingo (24). A maioria está localizada na região metropolitana de Belém.

Até a conclusão deste texto, a prefeitura de Santarém não havia publicado as medidas do lockdown. O decreto deve entrar em vigor até terça-feira (19). Em entrevista à jornalista Leda Nagle divulgada neste sábado, o ex-ministro da Saúde Luiz Henrique Mandetta (DEM) disse que o Pará tem "o maior problema nas mãos".

"O epicentro vai deslocar de Manaus e cair no Pará, em Belém. Está com a curva só que sobe. Nas próximas duas, três semanas, vai sofrer muito. O sistema está começando já a fase de colapso. Vai atravessar o mês de junho colapsado." Até este sábado, o Pará acumula 13.184 casos confirmados e 1.200 óbitos. A UTI adulta tem uma ocupação de 81%. Os números são do governo estadual.


 

Veja também

Miss Roraima Teen morre aos 21 anos em cirurgia de emergência
Fatalidade

Miss Roraima Teen morre aos 21 anos em cirurgia de emergência

Brasil confirma 559.607 mortes por Covid-19
Boletim nacional

Brasil confirma 559.607 mortes por Covid-19