Para matar a sede de bola

Na segunda semana da pré-temporada, time rubro-negro começa a trabalhar com seu principal instrumento

Melhorias vão promover aumento da capacidade de atracação do transporte de passageiros e de cargasMelhorias vão promover aumento da capacidade de atracação do transporte de passageiros e de cargas - Foto: Hélia Scheppa/SEI

 

Primeira semana de pré-temporada concluída, elenco todo reapresentado - com exceção do costarriquenho Rodney Wallace - e os quatro reforços contratados já integrando o grupo que trabalha no Centro de Treinamento José Médicis, em Paratibe. Nesta segunda etapa de preparação, o Leão deverá intensificar os trabalhos com bola, já visando o próximo dia 22 (domingo), no amistoso válido pela Taça Ariano Suassuna. O confronto será diante do The Strongest, na Arena Pernambuco, às 16h (horário de Recife). Esta será a primeira oportunidade de conferir de perto o lateral-direito Raul Prata, o meia-atacante Marquinhos e os centroavantes Paulo Henrique e Leandro Pereira, únicos anunciados pelo clube até agora para a temporada 2017.

Além disso, servirá para ter a chance de conferir como estão os remanescentes, com o possível time titular sendo: Magrão; Samuel Xavier, Matheus Ferraz, Ronaldo Alves e Renê; Rithely, Ronaldo, Everton Felipe (Neto Moura), Diego Souza e Rogério; Leandro Pereira (Wallace). Com uma lesão no adutor da coxa direita, o meia Everton Felipe corre o risco de ficar fora deste primeiro jogo do ano. Já na ala dos prováveis desfalques está o zagueiro Durval. Nesta semana ele torceu o tornozelo esquerdo e tem poucas chances de ficar à disposição do treinador Daniel Paulista.

Sobre contratações, apesar de o vice-presidente de futebol Gustavo Dubeux afirmar que dará uma freada nos anúncios, o clube ainda não desistiu de trazer o atacante André. Na última sexta-feira, o meia Diego Souza revelou em entrevista coletiva que vem conversando frequentemente com o atleta para que ele volte à Praça da Bandeira. “Eu fico brincando que já passou da hora de ele voltar. Ele demonstra interesse em voltar e fico insistindo para saber o que está faltando para isso acontecer. Mas, claro que sei que não depende apenas dele. André é meu amigo independente de onde ele estiver jogando”, revelou DS87.

Segundo a imprensa portuguesa, o Sport ofereceu 1,5 milhão de euros para conseguir o retorno de André. O problema é que o Sporting investiu três milhões de euros no ano passado para tirar o jogador do Corinthians, firmando um contrato até o meio de 2019. Por enquanto, a negociação anda emperrada, atrapalhada ainda pelo treinador Jorge Jesus, que não quer liberar o jogador brasileiro.

 

Veja também

Cai árvore centenária do Imip por causa das fortes chuvas
Chuvas

Cai árvore centenária do Imip por causa das fortes chuvas

Apac renova alerta de chuvas no Recife pelas próximas 24 horas
precipitação

Apac renova alerta de chuvas no Recife pelas próximas 24 horas