Educação

Pedido de isenção do Enem 2021 já pode ser consultado na Página do Participante

As provas do Enem 2021 serão aplicadas nos dias 21 e 28 de novembro, tanto na versão impressa como na digital

ENEMENEM - Foto: Marcello Casal Jr./Agência Brasil

Os estudantes que entraram com pedido de isenção para não pagar a taxa do Enem 2021 já podem conferir o resultado na Página do Participante. 

Além disso, quem justificou a ausência na edição 2020, poderá conferir se a falta foi deferida pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep). 

Os estudantes que tiverem a solicitação indeferida podem entrar com recurso entre 14 e 18 de junho. Os resultados dos recursos estão previstos para serem divulgados no dia 25 deste mês. 
 

No entanto, de acordo com o Ministério da Educação (MEC), a aprovação da justificativa ou da solicitação de isenção não garante a inscrição no Enem 2021. 

As inscrições deverão ser realizadas normalmente, entre 30 de junho e 14 de julho, por meio da Página do Participante. Segundo o ministro da Educação, Milton Ribeiro, as provas do Enem 2021 serão aplicadas nos dias 21 e 28 de novembro, tanto na versão impressa como na digital. Segundo o Inep, 101.100 vagas estarão disponíveis exclusivamente para a versão digital do exame.

Isenção
Pessoas que cursaram todo o ensino médio em escola pública ou que foram bolsistas integrais durante toda a etapa educacional têm direito à isenção da taxa de inscrição do exame. Estar cursando a última série do ensino médio na rede pública, no ano de 2021, também dá direito ao benefício.

O mesmo vale para quem está em situação de vulnerabilidade socioeconômica, por ser membro de família de baixa renda. Nesse caso, é preciso comprovar a inscrição no Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal (CadÚnico). 

Justificativa de ausência 
Já para justificar a ausência no Enem 2020, o participante deverá comprovar a razão pela qual não compareceu ao exame, por meio dos documentos solicitados. 

Entre os motivos aceitos como justificativa pelo Inep estão: emergências médicas, comparecimento ao trabalho, morte na família, maternidade ou paternidade. Todos os documentos comprobatórios devem estar de acordo com os parâmetros exigidos pelo edital.

Veja também

Senadores republicanos barram votação de lei que garante acesso ao voto nos EUA
EUA

Senadores republicanos barram votação de lei que garante acesso ao voto nos EUA

Nova variante do coronavírus é identificada no estado do Rio
Variante P.5

Nova variante do coronavírus é identificada no estado do Rio