Pernambuco amplia em 180% capacidade de testagem para detectar Covid-19

Serão 2.170 exames realizados por semana, a depender do envio dos kits pelo Ministério da Saúde (MS)

Teste de CoronavírusTeste de Coronavírus - Foto: BRUCE BENNETT / GETTY IMAGES NORTH AMERICA vi

Em parceria entre a Secretaria Estadual de Saúde (SES-PE) e o Instituto Aggeu Magalhães (Fiocruz/PE), Pernambuco irá aumentar em 180% a sua capacidade de testagem para detecção da Covid-19. O anúncio foi feito nesta terça-feira (31) pelo Governo do Estado.

Os testes serão usados nas redes pública e privada de saúde. Serão 2.170 exames realizados por semana, a depender do envio dos kits pelo Ministério da Saúde (MS). Atualmente, o Estado faz 770. “A partir dessa cooperação a gente vai poder triplicar o público que está testando”, ressaltou a secretária executiva de Vigilância em Saúde, Luciana Albuquerque.

Leia também:
Mais 41 leitos provisórios são construídos no Recife
Chegam ao Brasil 500 mil kits de testes rápidos
Niterói, no Rio de Janeiro, vai fazer teste de covid-19 em todos os pacientes com sintomas


Os testes serão os mesmos já realizados atualmente pelo Laboratório Central de Saúde Pública de Pernambuco (Lacen-PE), por meio da técnica RT-PCR, indicada para pacientes no início dos sintomas (até sete dias) e que analisa a presença do vírus ou parte dele na amostra coletada. Os kits de testagem, nesta parceria, serão os encaminhados pelo Ministério da Saúde, que anunciou a ampliação do envio dos kits.

Nesta semana, a empresa Genômika, especializada em testes genéticos e imunológicos, passa também a compor os esforços do Estado para ampliar a realização de exames pela técnica RT-PCR. Por dia, o laboratório privado vai processar 300 exames.


Acompanhe a cobertura em tempo real da pandemia de coronavírus

 

Veja também

Em gesto de boicote, senadores abandonam depoimento de defensores de tratamento ineficaz
CPI da Covid

Em gesto de boicote, senadores abandonam depoimento de defensores de tratamento ineficaz

Bolsonaro volta a atacar lockdown de Araraquara e prefeito diz que presidente fala inverdades
Política

Bolsonaro volta a atacar lockdown de Araraquara e prefeito diz que presidente fala inverdades