COVID-19

Pernambuco confirma 13 novas mortes pela Covid-19, entre elas a de uma menina de 1 ano e 11 meses

Teste de coronavírusTeste de coronavírus - Foto: Robin Van Lonkhuijsen/ANP/AFP

Pernambuco confirmou, nesta sexta-feira (16), mais 654 casos de Covid-19, dos quais 17 são de Síndrome Respiratória Aguda Grave (Srag) e 637 são leves. Com a atualização, feita pela Secretaria Estadual de Saúde (SES-PE), o Estado ultrapassou a marca de 155 mil infectados pela doença. Agora Pernambuco contabiliza 155.520 casos, sendo 26.659 graves e 128.861, leves. 

No informe desta sexta, a SES-PE notificou a confirmação laboratorial de 13 novos mortes, ocorridas desde 18 de maio. Entre as vítimas fatais, estava uma menina de 1 ano e 11 meses, que morava em Jaboatão dos Guararapes, na Região Metropolitana do Recife, e que faleceu nessa última quarta-feira (14).

Pernambuco totaliza 8.469 mortes pela Covid-19. Desde o início da pandemia, no Estado 51 crianças com idade de 0 a 9 anos morreram por contágio pelo novo coronavírus. 

Além da criança, também na última quarta morreram mais cinco pessoas. Já no dia seguinte, quinta-feira (15), ocorreu uma morte. Os outros seis registros de morte ocorreram entre 18 de maio e a última segunda-feira (12). 

As novas mortes foram de residentes dos municípios de Camaragibe (2), Garanhuns (1), Jaboatão dos Guararapes (2 adultos e a criança), Passira (1), Recife (2), Santa Cruz do Capibaribe (1), São Lourenço da Mata (1), Serrita (1) e Trindade (1). 

Os pacientes tinham idades entre 38 e 90 anos, além de uma criança (sexo feminino) de 1 ano e 11 meses. As faixas etárias são: 0 a 9 (1), 30 a 39 (1), 50 a 59 (2), 60 a 69 (3), 70 a 79 (3) e 80 ou mais (3).

Dos 13 pacientes que vieram a morrer, 9 apresentavam comorbidades confirmadas: diabetes (5), doença cardiovascular (4), doença renal (2), hipertensão (1), tabagismo (1) e doença respiratória (1) – um paciente pode ter mais de uma comorbidade. Os demais estão em investigação. 

Além disso, o boletim registrou um total de 138.012 pacientes recuperados da doença. Desses, 16.993 eram pacientes graves, que necessitaram de internamento hospitalar, e 121.019 eram casos leves.

 

Veja também

Rio não terá desfile de blocos de rua no carnaval de 2021
carnaval

Rio não terá desfile de blocos de rua no carnaval de 2021

Brasileira está entre as vítimas de atentado na França, informa Itamaraty
internacional

Brasileira está entre as vítimas de atentado na França