Coronavírus

Pernambuco confirma mais 724 casos e 11 mortes por Covid-19

Com a atualização, o Estado totaliza agora 159.220 casos confirmados e 8.542 mortes pela doença

CoronavírusCoronavírus - Foto: Vincenzo Pinto/AFP

Pernambuco registrou, neste sábado (24), novos 724 casos e 11 mortes pela Covid-19 segundo balanço da Secretaria Estadual de Saúde (SES-PE). Com a atualização, o Estado totaliza agora 159.220 casos confirmados e 8.542 mortes pela doença.

Dos 724 casos confirmados neste sábado, 21 são de Síndrome Respiratória Aguda Grave (Srag) e 703 são leves. Já do total de 159.220 desde o início da pandemia em Pernambuco, são 26.874 graves e 132.346 leves.

Além disso, o boletim registra um total de 141.541 pacientes recuperados da doença. Desses, 17.181 eram pacientes graves, que necessitaram de internamento hospitalar, e 124.360 eram casos leves.

Os 11 novos óbitos - nove do sexo masculino e dois do feminono - ocorreram entre 17 de agosto e essa sexta-feira (23). Cinco foram nos últimos três dias, sendo uma nessa sexta-feira (23), duas na quinta-feira (22) e duas na quarta-feira (21). 

As novas mortes eram de residentes dos municípios de Abreu e Lima (1), Jaboatão dos Guararapes (1), Jatobá (1), Olinda (2), Paudalho (1), Pesqueira (1), Recife (3) e Santa Terezinha (1). Por faixa etária, esses pacientes tinham: 30 a 39 (2), 50 a 59 (3), 60 a 69 (1), 70 a 79 (1) e 80 ou mais (4).

Das novas 11 vítimas fatais, sete apresentavam doenças pré-existentes: doença cardiovascular (4), diabetes (3), hipertensão (3), tabagismo (2), câncer (1), doença respiratória (1), obesidade (1) - um paciente pode ter mais de uma comorbidade. Os demais estão em investigação.

 

Veja também

Para forçar volta à escola, MEC resiste em homologar permissão de aula remota até fim de 2021
educação

Para forçar volta à escola, MEC resiste em homologar permissão de aula remota até fim de 2021

Bolsonaro nega que chamou Covid-19 de 'gripezinha' após ter usado o termo em pronunciamento oficial
Brasil

Bolsonaro nega que chamou Covid-19 de 'gripezinha' após ter usado o termo em pronunciamento oficial