Covid-19

Ocupação das UTIs em Pernambuco volta a crescer

Na semana passada, a ocupação chegou a ficar abaixo dos 70%

UTIsUTIs - Foto: Andréa Rêgo Barros/Divulgação/PCR

Ainda que discretamente, a taxa de ocupação dos leitos de terapia intensiva (UTI) da rede de Saúde Pública de Pernambuco voltou a subir nos últimos dias. Nesta segunda-feira (13), de acordo com boletim da Secretaria Estadual de Saúde (SES-PE), 73% dos 803 leitos de alta complexidade estão ocupados. Durante a última semana, esse índice vinha caindo, à medida em que novas vagas também eram criadas (foram cinco novos leitos abertos). 

No último dia 5, eram 796 leitos de UTI, e a ocupação estava em 74%. No dia 7, já com 801 vagas, esse índice baixou para 70% e depois caiu para 69%, ficando estacionado durante três dias. Foi a primeira vez que o Estado teve ocupação das UTIs direcionadas para os pacientes com quadros suspeitos ou confirmados da Covid-19 com menos de 70% de preenchimento desde o início de abril, quando teve início a fase de aceleração descontrolada da epidemia. 

No último sábado (11), porém, o movimento voltou a ser crescente, retornando para os 70%. Nesse domingo (12), a ocupação subiu para 72% e, agora, está em 73% (mesmo com o incremento de duas novas vagas à rede). 

Novos casos 
A SES-PE registrou, nesta segunda, 431 novos casos positivos da doença no Estado, sendo 315 (73%) casos considerados leves, ou seja, pacientes que não demandaram internamento hospitalar e que estavam na fase final da doença ou já curados. Os outros 116 (27%) se enquadram como Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG). Agora, Pernambuco totaliza 72.901 casos já confirmados, sendo 21.203 graves e 51.698 leves. Foram notificados ainda mais 57 óbitos com confirmação laboratorial. Outros 57 óbitos com quadros suspeitos de infecção pelo novo coronavírus aguardam investigação. 

Graves
Pernambuco tem, no momento, 16.154 casos ativos da Covid-19, sendo 4.890 pacientes diagnosticados com SRAG associada ao novo coronavírus. Desse grupo, 387 estão em isolamento domiciliar, enquanto 4.503 encontram-se internados - 4.160 em leitos de enfermaria e 343 em regime de terapia intensiva. Esses números correspondem aos pacientes com diagnóstico fechado, visto que há pessoas hospitalizadas com quadro suspeito e ainda aguardam exame. Até agora, 181 dos 185 municípios pernambucanos já registram pacientes graves da Covid-19, além do arquipélago de Fernando de Noronha. Há ainda ocorrências com pacientes de outros estados ou países. 

Internações em Pernambuco no dia 13 de julho de 2020

Distribuição por município dos pacientes internados na rede Pública de Saúde de Pernambuco nesta segunda-feira (13)

Curas
Nesta segunda-feira, foram registrados mais 245 pacientes curados, subindo para 51.095 o total de recuperados da Covid-19 no Estado. Desse grupo, 10.661 foram pessoas que manifestaram sintomas graves da doença, necessitando de internação, enquanto 40.434 apresentaram quadros leves. 

Óbitos  
As 57 mortes notificadas nesta segunda ocorreram entre os dias 7 de abril e 12 de julho e estão distribuídas nos seguintes municípios: Abreu e Lima (1), Agrestina (3), Água Preta (1), Araripina (1), Barreiros (1), Bezerros (1), Bonito (1), Cabo de Santo Agostinho (3), Camaragibe (4), Caruaru (1), Gravatá (1), Igarassu (2), Ipubi (1), Jaboatão dos Guararapes (9), Macaparana (1), Olinda (6), Paudalho (2), Paulista (5), Recife (6), Santa Cruz do Capibaribe (3), São Lourenço da Mata (2), Surubim (1) e Toritama (1). 

Os pacientes (40 do sexo masculino e 17 do sexo feminino) tinham idades entre 19 e 91 anos - 10 a 19 (1), 30 a 39 (1), 40 a 49 (2), 50 a 59 (10), 60 a 69 (13), 70 a 79 (16), 80 anos ou mais (14). Das 57 vítimas, 43 apresentavam comorbidades confirmadas: hipertensão (30), diabetes (21), doença cardiovascular (21), doença renal (6), obesidade (4), câncer (3), doença respiratória (2), epilepsia (1), doença neurológica (1), doença pulmonar (1), anorexia (1), tabagismo (1), doença de Parkinson (1) e imunossupressão (1) - um paciente pode ter mais de uma comorbidade. Quatro não tinham comorbidades e os demais estão em investigação pelos municípios.

Profissionais 
Até esta segunda-feira, 40.144 profissionais que atuam nos serviços ligados à Saúde foram notificados para testagem após manifestarem sintomas compatíveis com os da Covid-19. Desses, 17.207 receberam diagnóstico positivo para a doença, enquanto 22.593 tiveram resultado negativo no teste. Há 72 amostras em investigação. 

Veja também

Bolsonaro terá 15 dias para pagar R$ 2.600 após perder ação para Jean Wyllys
PROCESSO JUDICIAL

Bolsonaro terá 15 dias para pagar R$ 2.600 após perder ação para Jean Wyllys

Homens que ameaçaram jovem negro em shopping do Rio são identificados como PMs
Agressão

Homens que ameaçaram jovem negro em shopping do Rio são identificados como PMs