Pernambuco registra 460 novos infectados e 35 mortes pela Covid-19 em 24h

Os dados foram atualizados no início da tarde desta segunda-feira (27) pela Secretaria Estadual de Saúde (SES-PE)

Secretário estadual de saúde, André LongoSecretário estadual de saúde, André Longo - Foto: Arthur Mota/Folha de Pernambuco

Pernambuco registrou mais 460 diagnósticos positivos de infecção pelo novo coronavírus nas últimas 24 horas. Desses, 203 se enquadram como Síndrome Respiratória Aguda Grave (Srag) e 257 são classificados como casos leves. Com o acréscimo desses números, o Estado passa a somar 5.358 pessoas com a Covid-19, doença provocada pelo vírus, sendo 3.688 casos graves e 1.670 leves.

Também aumentou o número de mortes, em 35. Agora, Pernambuco tem 450 mortes pela Covid-19. Os dados foram atualizados no início da tarde desta segunda-feira (27), pela Secretaria Estadual de Saúde (SES-PE), que divulgou ainda um total de 704 pacientes curados.

Dos casos graves ativos, 1.684 estão em isolamento domiciliar e 850 internados, sendo 190 em Unidades de Terapia Intensiva (UTIs) e 660 em leitos de enfermaria, tanto na rede pública quanto privada. Até agora, os casos graves confirmados da Covid-19 estão distribuídos por 110 municípios pernambucanos, além do Arquipélago de Fernando de Noronha e da ocorrência com pacientes de outros estados e países.

As 35 mortes confirmadas laboratorialmente nas últimas 24 horas foram de 20 homens e 15 mulheres, residentes nos municípios de Recife (13), Jaboatão dos Guararapes (4), Olinda (3), Paulista (1), Água Preta (2), Vitória de Santo Antão (1), Carpina (1), Cabo de Santo Agostinho (1), Venturosa (1), Chã de Alegria (1), Bonito (1), Araçoiaba (1), Ribeirão (1), Aliança (1) e Camaragibe (3).

Os pacientes faleceram entre os dias 16 e 26 de abril e tinham idades entre 20 e 97 anos - 20 a 29 (1), 30 a 39 (2), 40 a 49 (5), 50 a 59 (3), 60 a 69 (12), 70 a 79 (4), 80 ou mais (8). Dos 35 pacientes que vieram a óbito, 25 apresentavam comorbidades, como histórico de hipertensão (15), diabetes (13), doença cardiovascular (6), tabagismo (3), AVC (2), tuberculose (2), etilismo (1), obesidade (1), transtorno mental (1), doença renal (1), leucemia (1) e doença de Chagas (1). Uma das vítimas não tinha comorbidades e os demais estão em investigação pelos municípios.

Leia também:
Novo hospital de campanha é inaugurado no Recife com 30 leitos
Central estadual de regulação de leitos muda sede e dobra capacidade de atendimento
Pernambuco ainda não chegou ao colapso nos leitos de UTI

Acompanhe a cobertura em tempo real da pandemia de coronavírus

 

Veja também

Arara-vermelha é resgatada durante fiscalização da PRF na BR 116, em Salgueiro
CRIME AMBIENTAL

Arara-vermelha é resgatada durante fiscalização da PRF na BR 116, em Salgueiro

Curso aprimora habilidade de idosos para identificar fake news
Educação

Curso aprimora habilidade de idosos para identificar fake news