Imunização

Pernambuco registra aumento da cobertura vacinal em 2023 segundo balanço do Ministério da Saúde

O Balanço foi divulgado pelo Ministério da Saúde

ImunizaçãoImunização - Foto: Ikamahã / Secretaria de Saúde do Recife

O balanço da imunização divulgado pelo Ministério da Saúde em 2023 apresentou aumento da cobertura vacinal em Pernambuco. Sete de oito vacinas recomendadas no calendário infantil para crianças com até um ano apresentaram cobertura maior que a do ano passado. 

Os dados divulgados pelo Ministério da Saúde são preliminares e correspondem ao período de janeiro a outubro de 2023, comparados com todo o ano de 2022.

Um exemplo são os números da DTP (difteria, tétano e coqueluche), que registrou 72,7% de cobertura neste ano, com aumento de 14,8% em relação ao ano passado, cujo número foi 63,3%.

O Estado também registrou alta na imunização da poliomielite, que passou de 63,8% em 2022 para 71,2% em 2023, um crescimento de 11,5%.



A vacina da hepatite A apresentou um aumento de 9,4% na cobertura, com taxas que passaram de 69,6% no ano passado a 76,21% em 2023. Outra que apresentou aumento na imunização foi a meningocócica, que registrou 78,2% de cobertura neste ano, com aumento de 3,2% em relação ao ano passado, cujo número foi 75% .

Também foram registradas mais aplicações de vacinas da 1ª dose de tríplice viral, que, neste ano, alcançou 84,1%, frente aos 80,3% registrados em 2022, e da pneumocócica, que passou de 75,6% em 2022 para 78,5% neste ano.

Veja também

Meningite: conheça as causas, os sintomas e as formas de evitar a doença
Prevenção

Meningite: conheça as causas, os sintomas e as formas de evitar a doença

TikTok: app vai ser banido nos EUA? Entenda o que acontece agora com a rede social
Rede Social

TikTok: app vai ser banido nos EUA? Entenda o que acontece agora com a rede social

Newsletter