Coronavírus

Pernambuco registra aumento de casos da Covid-19 por duas semanas seguidas

André Longo, secretário de Saúde de PernambucoAndré Longo, secretário de Saúde de Pernambuco - Foto: Douglas Fagner/SEI

Em coletiva no fim da tarde desta quinta-feira (3), o secretário estadual de Saúde, André Longo, informou que Pernambuco apresentou aumento nos registros da Covid-19 nas últimas duas semanas. De acordo com Longo, o aumento foi registrado em três das quatro macrorregiões do Estado. 

Os números de casos graves de Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG) confirmados para a Covid-19 nas últimas três semanas epidemiológicas (semana 46, 47 e 48) foram de 512, 580 e 653 na última. 

"Observamos, por duas semanas seguidas, uma oscilação para cima, fato que não ocorria já há algum tempo", informou André Longo. De acordo com o secretário, o aumento correspondeu a 13% entre a semana 46 e 47 e um aumento de 27% entre a semana 47 e 48. 

O secretário informou que o aumento de casos foi puxado pelo Agreste do Estado. "A região teve um comportamento pior quando comparada com a semana epidemiológica 47, chegando a 50% de aumento, embora o número de casos absolutos não seja tao grande", salientou. 

Mesmo puxado pela região macrorregião 2, onde fica o Agreste, o aumento só não foi registrado em uma das macrorregiões do Estado. De acordo com Longo, apenas a macrorregião 3, do Sertão Central, apresentou redução nos casos confirmados da Covid-19 nas últimas duas semanas. 

O boletim semanal Infogripe divulgado pela Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) revelou que em Pernambuco "há ao menos uma macrorregião estadual com tendência de curto e/ou longo prazo de aumento com sinal moderado (probabilidade > 75%) ou forte (probabilidade > 95%) de crescimento". 

Longo negou que haja uma segunda onda em Pernambuco e categorizou os aumentos como oscilações comuns. "Ressalto que as oscilações ainda não configuram uma segunda onda, mas merecem atenção e reforço na adoção dos cuidados por parte de todos. O Governo do Estado continuará monitorando os dados com transparência e não iremos nos furtar a tomar medidas mais rígidas caso os adoecimentos e casos graves apresentem uma tendencia clara e permanente de crescimento", ressaltou.  


Aumento de casos de Covid-19

Veja também

Fiocruz negocia mais 15 milhões de doses de vacina da AstraZeneca
Coronavírus

Fiocruz negocia mais 15 milhões de doses de vacina da AstraZeneca

EUA supera 25 milhões de casos de Covid-19
Coronavírus

EUA supera 25 milhões de casos de Covid-19