Coronavírus

Pernambuco registra mais um caso da Síndrome Pediátrica associada à Covid-19

Estado soma 23 ocorrências, com dois óbitos, ambos ocorridos no Recife

Testes da Covid-19 no BrasilTestes da Covid-19 no Brasil - Foto: Silvio Avila/AFP

A Secretaria Estadual de Saúde de Pernambuco (SES-PE) notificou, nesta terça-feira (6), mais um caso da Síndrome Inflamatória Multissistêmica Pediátrica (SIM-P), quadro que acomete crianças e adolescentes, sendo temporalmente associada à Covid-19. 

O paciente é um menino de oito anos, residente no Recife, que apresentou os primeiros sintomas característicos da SIM-P no início de junho e recebeu alta no final da primeira quinzena do mesmo mês. Com esse registro, o Estado passa a somar 23 ocorrências da síndrome - 21 pacientes se recuperaram  enquanto outras dois não resistiram. 

Todos os diagnosticados com esse quadro tiveram resultado positivo para a Covid-19. Do total de casos, 21 são de Pernambuco - Recife (sete, incluindo as duas vítimas fatais), Caruaru (2), Ipojuca (1), Jaboatão dos Guararapes (3), Goiana (1), Sirinhaém (1), Joaquim Nabuco (1), Limoeiro (1), Timbaúba (1), Flores (1), Santa Cruz do Capibaribe (1), Vitória de Santo Antão (1) - e dois são pacientes de outros estados (Alagoas e Piauí), mas que procuraram atendimento médico no Estado. 

A notificação da SIM-P foi instituída no início de agosto, e os serviços de saúde, além de atentos para o registro  de casos novos, estão resgatando ocorrências desde o começo da pandemia.

Dos casos notificados até o momento, 12 são pacientes do sexo masculino e 11 do feminino, com idades entre um ano e 14 anos.
 

Veja também

Países europeus endurecem regras e exigem máscaras mais resistentes contra Covid-19
Coronavírus

Países europeus endurecem regras e exigem máscaras mais resistentes contra Covid-19

Com UTIs lotadas, Rondônia transferirá pacientes com Covid-19 para o Rio Grande do Sul
Colapso em Rondônia

Com UTIs lotadas, Rondônia transferirá pacientes com Covid-19 para o Rio Grande do Sul