A-A+

Plano de Convivência

Pernambuco terá eventos-teste com até 1,2 mil pessoas em setembro

Secretária Ana Paula Vilaça Secretária Ana Paula Vilaça  - Foto: Heudes Regis/SEI

Em setembro, Pernambuco terá os primeiros eventos-teste com até 1,2 mil pessoas ou 50% da capacidade do local, o que for menor. O anúncio foi feito pela secretária-executiva de Desenvolvimento Econômico, Ana Paula Vilaça, em coletiva, nesta quarta-feira (25).

Segundo a secretária, o público dos eventos, que servirão de teste para os protocolos do selo Passe Seguro PE, terá que ter recebido as duas doses ou uma dose e com teste negativo para o coronavírus.

Produtores e organizadores de eventos podem solicitar a realização ao Governo do Estado, que irá avaliar e autorizar ou não a realização. Os eventos poderão ter até sete horas de duração e deverão ser encerrados até meia-noite. 

“Todas as medidas de flexibilização estimulam as pessoas a se vacinarem. Só assim conseguiremos continuar flexibilizando novas atividades. Em diálogo com o setor, resolvemos realizar eventos-teste em setembro, como forma de testar a aplicação dos protocolos sanitários e os aplicativos. É uma forma do governo estimular a vacinação”, disse Ana Paula.

A Secretaria de Desenvolvimento Econômico informou que 80% dos ingressos deverão ser destinados para pessoas com segunda dose da vacina, contados a partir do 15° dia após a aplicação para o acesso, ou uma dose, no caso de vacina de dose única.

Os demais 20% serão para pessoas com primeira dose e teste de antígeno realizado 24 horas antes do evento. O público deve realizar o teste RT-PCR, entre 48 horas e 72 horas após o evento, por amostragem, de responsabilidade da produção/organização. 

O público deverá permanecer sentado e o uso da máscara permanece obrigatório, exceto na hora do consumo de comidas ou bebidas. 

“Produtores e organizadores devem encaminhar os seus pedidos para o governo para receber aval da Secretaria de Saúde e do Procon. A partir daí, poderemos avançar nos meses seguintes, com bases no resultados desses primeiros eventos, para ampliar a capacidade de carga”, acrescentou a secretária-executiva.

Veja também

Israel detecta subvariante da cepa Delta do coronavírus
Coronavírus

Israel detecta subvariante da cepa Delta do coronavírus

STJ anula denúncia sobre tragédia de Brumadinho e federaliza o caso
Brumadinho

STJ anula denúncia sobre tragédia de Brumadinho e federaliza o caso