A-A+

Mais de 20 academias de ginástica são interditadas no Sertão pernambucano

A ação foi realizada pelo Conselho Regional de Educação Física em 33 municípios

A fiscalização visitou 120 estabelecimentos A fiscalização visitou 120 estabelecimentos  - Foto: Divulgação

Vinte e duas academias de ginásticas foram interditadas no Sertão de Pernambuco pelo Conselho Regional de Educação Física da 12º Região de Pernambuco (Cref12/PE). A fiscalização, iniciada na última segunda-feira (27) e finalizada na noite dessa quinta (30), percorreu 33 municípios.

Intitulada de 'Operação Carcará', a fiscalização contou com o apoio da Polícia Militar e Vigilância Sanitária de Petrolina. As cinco equipes visitaram um total de 120 estabelecimentos, e foram suspensas as atividades das academias que não possuíam profissional de Educação Física atuando no local. Outras 55 foram notificadas por funcionarem clandestinamente.

A operação notificou 21 pessoas por exercício ilegal da profissão. Além das academias de ginástica, a Operação Carcará também visitou 22 escolas das redes estadual e municipal desses municípios, averiguando as condições estruturais dos locais reservados à prática de atividades físicas e esportivas, além do registro do professor no Cref12/PE.

Leia também:
Fiscalizações interditam sete academias no Recife e em Olinda
Três academias são interditadas pelo Procon e Conselho Regional de Educação Física
Crea-PE lança agenda de fiscalização preventiva para o Carnaval
Fiscalização por videomonitoramento passa a valer em 16 novos pontos no Recife


O assessor técnico de Fiscalização do Cref12/PE, Marcelo Santos, contou que o principal problema encontrado na fiscalização foi a ausência de profissional de Educação física na orientação das atividades. "Muitas vezes, os alunos fazem o exercício sem nenhuma orientação ou com o acompanhamento de um estudante, e, em alguns casos, por uma pessoa que nem pela faculdade passou”, contou.

A operação percorreu as cidades de Serra Talhada, Salgueiro, Ouricuri, Petrolina, Afogados da Ingazeira, Mirandiba, Cedro, São José do Belmonte, Carnaíba, Tuparetama, Santa Terezinha, Terra Nova, Verdejante, Parnamirim, Flores, Triunfo, Tabira, Serrita, Sertânia, São José do Egito, Araripina, Trindade, Santa Cruz da Baixa Verde, Iguaracy, Custódia, Ingazeira, Santa Cruz, Calumbi, Moreilândia, Ipubi, Itapetim, Inajá, Manari e Betânia.

O Cref12/PE alerta que caso a população encontre alguma irregularidade pode realizar denúncia através do telefone (81) 3314-7321 ou pelo e-mail [email protected] .

Veja também

Curso aprofunda os negócios a partir da mesa posta
Negócios

Curso aprofunda os negócios a partir da mesa posta

PCR garante habitacional para famílias afetadas pela construção da ponte Jaime Gusmão
Habitação

PCR garante habitacional para famílias afetadas pela construção da ponte Jaime Gusmão