Noronha divulga lista com 240 contemplados na Política Habitacional da ilha

Os loteamentos serão feitos através de parceria com a Cehab (Companhia Estadual de Habitação e Obras de Pernambuco)

Fernando de Noronha Fernando de Noronha  - Foto: Reprodução

A Administração de Fernando de Noronha divulgou o resultado final dos moradores que terão direito de construir suas casas em terrenos doados na Ilha. As listas estão disponíveis no site da Administração Distrital: www.noronha.pe.gov.br. São 240 nomes, divididos em duas listas: uma de 150 nomes com a pontuação completa e devidamente classificados, e outra lista com 90 nomes. Essa última, no entanto, sem pontuação. Para consegui-las, essas pessoas selecionadas devem comparecer ao Setor Social da Administração para entregar a documentação necessária.

“O prazo da divulgação final era dia 12, mas foi antecipado para essa terça-feira (9). O trabalho agora é de licenciamento dos lotes para a gente começar a fazer a entrega”, disse o administrador da ilha, Guilherme Rocha. Segundo levantamento do Governo do Estado, existem cerca de 70 mil metros quadrados para loteamento.

Os loteamentos serão feitos através de parceria com a Companhia Estadual de Habitação e Obras de Pernambuco (Cehab). “Moradia não é política, moradia é vida, é dignidade social", comentou o administrador da ilha.

Vale lembrar que moradores permanentes não detêm imóvel, pois a ilha enquadra-se em situação particular quando se trata das questões de uso do solo. É concedido um Termo de Permissão de Uso do Solo (TPUS), conforme a Lei Orgânica de Fernando de Noronha, não podendo haver comercialização de imóveis ou terrenos.

A Administração deve entregar também 26 casas populares na primeira semana de maio, conforme anunciado pelo administrador da ilha.

Veja também

Covid-19: ministério registra 34,4 mil casos e 643 mortes em 24 horas
BRASIL

Covid-19: ministério registra 34,4 mil casos e 643 mortes em 24 horas

Habitacionais do Aeroclube do Recife, no Pina, têm entrega prevista para abril de 2022
Recife

Habitacionais do Aeroclube do Recife, no Pina, têm entrega prevista para abril de 2022