Presos com inflamáveis podem ter relação com incêndios de ônibus na RMR, diz polícia

Ao todo, oito pessoas foram presas e um adolescente apreendido em Olinda e Paulista

Reservatórios com gasolina encontrados no porta-malas do veículo que estava com um dos gruposReservatórios com gasolina encontrados no porta-malas do veículo que estava com um dos grupos - Foto: Divulgação/Polícia Militar de Pernambuco

Duas operações deflagradas pela Polícia Militar de Pernambuco (PMPE) no último fim de semana resultaram na prisão de oito pessoas e apreensão de um adolescente em Olinda e Paulista, municípios da Região Metropolitana do Recife (RMR). A Polícia Civil de Pernambuco investiga se há relação dos grupos com os incêndios em ônibus registrados no final de novembro na RMR.

Com os grupos, a polícia encontrou pouco mais de 105 litros de gasolina acondicionados em dez reservatórios, dez garrafas de tíner (solvente inflamável), 90 pedras de crack. As prisões ocorreram nos bairros de Jatobá, em Olinda, e Conceição, em Paulista, no sábado (30) e domingo (1º), respectivamente. 

Leia também:
Força-tarefa apreende jovem de 17 anos suspeito de atear fogo em ônibus
Após veículos incendiados, rodoviárias atrasam saída de ônibus de garagens


Em entrevista coletiva de imprensa realizada na manhã desta terça-feira (3) no Quartel do Derby, localizado no bairro homônimo da área central da capital pernambucana, o tenente-coronel Marcos Ramalho, comandante do 17º Batalhão da Polícia Militar, afirmou que, no sábado, denúncias recebidas pela polícia indicaram que um grupo estava reunido em uma casa em Olinda com certa quantidade de material inflamável. "Nos deslocamos até a localidade e encontramos dois homens e duas mulheres com crack, dinheiro e dez garrafas de tíner com uma boa quantidade de estopa. Todos receberam voz de prisão e foram conduzidos à Delegacia de Olinda", explicou.

Coletiva de imprensa detalhou as operações

Coletiva de imprensa detalhou as operações - Foto: Jacielma Cristina/Rádio Folha FM

A PMPE ainda recebeu, no domingo, informações de que um outro grupo estava reunido com material inflamável em Paulista e iria "fazer um protesto" na PE-22. "Ativamos nosso serviço de inteligência. Esses indivíduos foram abordados na rodovia e, no porta-malas do veículo, foram encontrados os 105 litros de gasolina", explicou o tenente-coronel.

"As prisões foram importantes para que esses atos [incêndios nos ônibus] não continuem. Quando questionados, informaram que o combustível serviria para abastecer um trio elétrico. Pelo que consta, trio não se abastece com gasolina. O que reforçou nossas suspeitas", acrescentou Marcos Ramalho. Todos foram conduzidos à Delegacia de Paulista, onde foram autuados em flagrante.

Material inflamável encontrado com um dos grupos

Material inflamável encontrado com um dos grupos - Foto: Divulgação/Polícia Militar de Pernambuco

O delegado de Paulista, Adyr Almeida, informou que a Polícia Civil investiga se há relação dos envolvidos com os incêndios. "Qualquer motivação que foi trazida será atrelada nas investigações e vai ser checada", explicou. O aprofundamento das investigações deve levar à autoria e à motivação dos grupos. "As condutas individuais estão sendo analisadas. No final das investigações, queremos apresentar os resultados", continuou o delegado. "Por enquanto, não há relação entre um grupo e o outro, mas, quando a investigação terminar, isso poderá ser apontado com clareza", finalizou o delegado.

Na coletiva de imprensa, a Polícia Militar divulgou o nome dos presos:

Olinda - sábado, 30/11
Claudemir Abílio dos Santos
Karolayne da Silva dos Santos
Ivson Robert da Silva Carneiro
Joana d'Arc Maria da Silva

Paulista - domingo, 1º/12
Elton Figueiredo de Souza
Jhonatan Henrique da Silva
Maurício José dos Santos
Cícero Moraes da Silva
Emanoel Francisco de Lima
V. S. S., de 16 anos

Denúncias
A Polícia Civil solicita apoio da população para fornecer informações que possam ajudar nas investigações. O número do Disque Denúncia é (81) 3421-9595 e o WhatsApp da Força-Tarefa Coletivos, (81) 9.9488-7091.

Veja também

Cinco pacientes com Covid-19 de Manaus iniciam tratamento no Hospital das Clínicas da UFPE
Coronavírus

Cinco pacientes com Covid-19 de Manaus iniciam tratamento no Hospital das Clínicas da UFPE

Pernambuco recebe lote com 84 mil doses da vacina AstraZeneca/Oxford
Coronavírus

Pernambuco recebe lote com 84 mil doses da vacina AstraZeneca/Oxford