Tiroteio em assalto diante de banco em Boa Viagem

Segundo o delegado, um dos suspeitos e um vendedor que estava próximo à agência foram baleados

Tentativa de assalto na Avenida Conselheiro Aguiar, Banco SantanderTentativa de assalto na Avenida Conselheiro Aguiar, Banco Santander - Foto: Julya Caminha/ Folha de Pernambuco

Um assalto deixou pelo menos duas pessoas feridas na avenida Conselheiro Aguiar, em Boa Viagem, na Zona Sul do Recife. A ação criminosa, que aconteceu por volta das 11h30 desta quarta-feira (19), teria como alvo clientes da agência Santander. No assalto, ocorrido diante da agência bancária, houve troca de tiros, e o suspeito de apontar a arma ao cliente foi baleado no abdômen e no tórax . 

O suspeito foi identificado como Diego Tavares dos Santos, idade não informada, e está neste momento no bloco cirúrgico do Hospital da Restauração (HR). Já o vendedor atingido se chama Gildo Marcolino dos Santos, 65, e segundo informações repassadas pelo HR, encontra-se em estado estável e poderá receber alta nas próximas 24 horas. 

Leia também:
Presos irmãos suspeitos de matar PM após assalto a padaria no Recife
PMs são presos suspeitos de explosões e assaltos a carro-forte


Policiais da Delegacia de Boa Viagem receberam informações sobre uma possível “saidinha de banco” momentos antes da ação criminosa. Uma arma de fogo foi apreendida, e o dinheiro, recuperado, além de uma chave de moto que também seria da vítima. Diligências estão sendo realizadas para encontrar outros envolvidos.

Peritos do Instituto de Criminalística (IC) analisam um veículo Peugeot preto que teria sido utilizado por um dos criminosos. A vítima da tentativa de assalto, que é um office boy de 37 anos, pediu para não ser identificado e está prestando depoimento na Delegacia de Boa Viagem. Além do dinheiro, os criminosos também pretendiam levar a moto da vítima. 

Segundo o delegado Alfredo Jorge, a polícia trabalha com a hipótese de três a quatro pessoas estarem envolvidas no assalto. Uma investigação preliminar aponta que uma quadrilha do estado do Pará esteja à frente da operação. “Muitos dos autores são de Belém do Pará. Eles fazem parte de uma organização criminosa que age no Brasil todo praticando essa modalidade de ‘saidinha bancária’. Nessa modalidade, um dos autores fica do lado de fora para praticar os assaltos, um pessoa fica dentro do banco para olhar quem está sacando dinheiro e avisa para quem tá do lado de fora”, explicou Alfredo Jorge.


Veja também

Tema da redação do Enem 2020 é o estigma associado às doenças mentais na sociedade brasileira
Enem 2020

Tema da redação do Enem 2020 é o estigma associado às doenças mentais na sociedade brasileira

Morre de câncer Léo, leão do Parque Estadual de Dois Irmãos
Luto

Morre de câncer Léo, leão do Parque Estadual de Dois Irmãos