PF prende estelionatários que tentavam sacar auxílio emergencial

Os homens portavam 108 cartões do programa Bolsa Família de diversas titularidades. Para os beneficiários do programa, as parcelas do auxílio emergencial são automáticas

Polícia FederalPolícia Federal - Foto: Divulgação

A Polícia Federal anunciou a prisão em flagrante de uma dupla de estelionatários que tentavam realizar saques indevidos com cartões do Bolsa Família. Segundo a PF, a dupla teria teria retirado com sucesso cerca de R$ 96 mil de contas que receberam parcelas do auxílio emergencial. O crédito é fornecido pelo governo para a população de baixa renda como forma de minimizar danos econômicos causados pela pandemia do novo coronavírus.

Os homens portavam 108 cartões do programa Bolsa Família de diversas titularidades. Para os beneficiários do programa, as parcelas do auxílio emergencial são automáticas, sem necessidade de cadastros adicionais.

O crime aconteceu na cidade de São Luís (MA), na madrugada desta quinta-feira (30), na agência da Caixa Econômica Federal localizada na praça João Lisboa, no centro.

Leia também:
Bolsonaro diz que gostaria que brasileiros voltassem ao trabalho
Bolsonaro volta a dizer que talvez tenha sido contaminado e não teve sintomas da Covid-19

Veja também

Recife tem 70% da população adulta vacinada contra Covid-19 com ao menos uma dose
Saúde

Recife tem 70% da população adulta vacinada contra Covid-19 com ao menos uma dose

Vaticano julga cardeal por escândalo financeiro
Religião

Vaticano julga cardeal por escândalo financeiro