PM prende terceiro suspeito de matar veterinária em Igarassu

Nathália Regina Magalhães foi encontrada morta na última terça-feira (30); Polícia prendeu três suspeitos de envolvimento no crime

Veterinária Nathália Regina Magalhães, de 34 anosVeterinária Nathália Regina Magalhães, de 34 anos - Foto: Arquivo Pessoal

A Polícia Militar de Pernambuco (PM-PE) prendeu três suspeitos de envolvimento na morte da veterinária Nathalia Regina de Andrade Magalhães, assassinada na última terça-feira (30). De acordo com a PM, dois suspeitos foram presos na cidade de Lagoa do Carro, localizada na Zona da Mata Norte de Pernambuco. O terceiro foi preso em Araçoiaba, também na Mata Norte.

A terceira prisão aconteceu na madrugada deste sábado (3). Segundo a PM, o suspeito foi localizado em Araçoiaba e levado à Delegacia de Plantão de Paulista, na Região Metropolitana do Recife. 

A companheira do suspeito de ter cometido o crime também foi detida na última sexta-feira (2). A polícia investiga se a mulher participou da ação criminosa.

Leia também:
Preso suspeito de assassinar veterinária em Igarassu
Velório do corpo da veterinária assassinada é marcado por comoção e indignação

Mais informações sobre as investigações serão fornecidas em uma coletiva de imprensa da Polícia Civil na próxima segunda-feira (5).

Relembre o caso

A veterinária Nathália Regina Magalhães, 34 anos, foi encontrada morta no banco do motorista de um carro com um tiro no pescoço, em uma estrada de terra do Engenho Monjope, área rural de Igarassu, Região Metropolitana do Recife (RMR). Nathália estava acompanhada de um companheiro de trabalho quando foi abordada pelos suspeitos.

Veja também

Ministério da Saúde anuncia que vai incorporar vacina chinesa em calendário nacional
Coronavírus

Ministério da Saúde anuncia que vai incorporar vacina chinesa em calendário nacional

Militares promovem capacitação de agentes para desinfecção de locais públicos em Garanhuns
Coronavírus

Militares promovem capacitação de agentes para desinfecção de locais públicos em Garanhuns