ALEPE

PMs protestam por reajuste em frente à Alepe

A categoria pediu equiparação salarial com a Polícia Civil e subsídios

Policiais Militares realizaram protestos nesta quinta-feira (1), em frente ao prédio da Assembleia LegislativaPoliciais Militares realizaram protestos nesta quinta-feira (1), em frente ao prédio da Assembleia Legislativa - Foto: Felipe Ribeiro/Folha de Pernambuco

Há quase dois meses em operação padrão, policiais militares realizaram um ato, às 10h, em frente à Assem­­­bleia Legislativa, no Centro do Recife. A categoria esperava discutir nesta quinta-feira (2), dia seguinte ao início do ano parlamentar, o projeto de lei do Executivo que definisse o reajuste salarial.

Uma recomendação da Procuradoria de Justiça Militar no Recife divulgada na última quarta-feira (1), porém, pedia que associações militares não realizassem assembleia que incitasse a deflagração de paralisações ou greve.

A recomendação foi direcionada aos comandos da PM e dos bombeiros, para que previnam ou reprimam operações que impactem a segurança pública. Representantes de associações se reuniram com deputados da bancada de oposição na Alepe. Foram informados de que ainda não há qualquer informação sobre que números serão apresentados para votação dos deputados. As entidades reclamam que ficaram de fora das negociações, feitas só com a participação dos comandantes das corporações.

“O que era prometido para hoje (quarta) não foi apresentado. Ficou acerta­­­do pelos deputados que, as­­­sim que a proposta do Governo sair, vamos tomar conheci­­mento para deliberar”, disse o presidente da Associação de Cabos e Soldados, Alberisson Carlos. A categoria quer equiparação salarial com a Polícia Civil e subsídios.

A Secretaria de Defesa Social informou que os números ainda estão sendo fechados e que o envio à Alepe deve ocorrer até o fim de semana.e

Veja também

Pernambuco registra 1.450 novos casos e 29 óbitos por Covid-19
Coronavírus

Pernambuco registra 1.450 novos casos e 29 óbitos por Covid-19

Covid-19: entidade orienta sobre vacinação em pacientes reumáticos
Saúde

Covid-19: entidade orienta sobre vacinação em pacientes reumáticos