Polícia apreende R$ 24,5 mil em cédulas manchadas de tinta rosa, em Vitória de Santo Antão

Erinaldo Rodrigues de Menezes Junior, conhecido como Gordo, e Sthannlley Cahua de Lima foram presos quando comercializavam as notas

Congresso Nacional Congresso Nacional  - Foto: Wikimedia Commons

A Polícia Civil apreendeu R$ 24,5 mil em cédulas manchadas de tinta rosa (proteção contra explosões de caixas eletrônicos) e prendeu dois homens em Vitória de Santo Antão, na Zona da Mata de Pernambuco. Erinaldo Rodrigues de Menezes Junior, conhecido como Gordo, e Sthannlley Cahua de Lima foram presos, na última quarta-feira (16), quando comercializavam as notas.

Segundo a polícia, duas cédulas manchadas eram trocadas por uma limpa. De acordo com os homens, o dono dinheiro seria um presidiário. Gordo e Sthannlley foram autuados, por policiais da Delegacia de Roubos e Furtos e por policiais da Delegacia Seccional, por receptação qualificada. Caso sejam condenados, poderão pegar penas que variam de 3 a 8 anos de reclusão.

Veja também

Em ofensiva contra aborto, governo estabelece em diretriz o direito à vida desde a concepção
Aborto

Em ofensiva contra aborto, governo estabelece em diretriz o direito à vida desde a concepção

Suspeito de matar ator de 'Chiquititas' e os pais dele fez documento falso no Paraná, diz polícia
Crime

Suspeito de matar ator de 'Chiquititas' e os pais dele fez documento falso no Paraná, diz polícia