Polícia Científica

Pernambuco realiza formatura de médicos legistas e auxiliares de perito

Formatura de novos policiais científicos e auxiliares de peritos da polícia científica de Pernambuco Formatura de novos policiais científicos e auxiliares de peritos da polícia científica de Pernambuco  - Foto: Melissa Fernandes/Folha de Pernambuco

Pernambuco realizou, nesta quinta feira (14), a formatura de 41 novos médicos legistas e 45 auxiliares de perito, que serão distribuídos entre a capital e o interior do Estado, em uma das 12 unidades da Polícia Científica.

A formatura vem como reforço do Programa Pacto pela Vida, firmado pelo Governo do Estado em 2007 como plano de segurança pública de Pernambuco.

Presente à cerimônia, o governador Paulo Câmara ressaltou a importância dos médicos legistas e dos auxiliares de perito atuando na Segurança Pública de Pernambuco. Segundo ele, a chegada desses novos profissionais darão a ajuda necessária para uma melhora significativa no serviço oferecido pela Polícia Científica. 

“É claro que, para melhorar a segurança pública do nosso Estado, o melhor caminho é a prevenção, mas todas as autorias de crimes em Pernambuco sempre vão precisar de um trabalho cientifico, e é isso que a gente espera da nossa Polícia Científica. Hoje, com essa finalização de formação de médicos legistas e auxiliares de perícia, nós vamos poder avançar cada vez mais na qualidade dos serviços oferecidos”, destacou. 

A Chefe da Polícia Científica de Pernambuco, Sandra Santos, comemorou a chegada de novos servidores, que vão garantir auxílio na produção de provas materiais que identifiquem criminosos e na resolução de crimes. A expectativa é de que os novos profissionais comecem a atuar em janeiro de 2022. 

O secretário de Segurança Pública de Pernambuco, Humberto Freire, explicou que os novos policiais científicos contarão com equipamentos de alta tecnologia para atuar na resolução dos crimes cometidos no âmbito estadual. De acordo com ele, o fortalecimento da área de perícia tem sido trabalhado desde 2017, e agora, conta com o reforço no efetivo.

 

Veja também

Lembra quando Bolsonaro era o fascista?', questiona filho de John Lennon, Sean Ono
Política

Lembra quando Bolsonaro era o fascista?', questiona filho de John Lennon, Sean Ono

Estudo indica que bonobos são mais agressivos do que se pensava
Bonobos

Estudo indica que bonobos são mais agressivos do que se pensava

Newsletter