Notícias

Polícia Militar lança campanha para reforçar doação de sangue ao Hemope

A corporação está recrutando voluntários do batalhão para reforçar os estoques de sangue durante a pandemia do novo coronavírus

PM-PE lança campanha de doação de sangue ao HemopePM-PE lança campanha de doação de sangue ao Hemope - Foto: Arthur Mota / Folha de Pernambuco

Visando suprir a carência do banco de sangue do Hemope, que ficou ainda mais crítica neste período de pandemia do novo coronavírus, a Polícia Militar de Pernambuco iniciou, nesta quinta-feira (2), uma campanha de doação de sangue.

Mobilizando a corporação para recrutar voluntários para a missão, a PM elaborou um calendário e distribuiu para os quartéis e batalhões, dividindo-os a fim de evitar aglomerações e não comprometer o funcionamento do Hemocentro com uma lotação. Cerca de dez militares realizam a doação de manhã e outros dez à tarde. Nesse primeiro dia, PMs do Batalhão de Choque iniciaram as doações da campanha.

Leia também:
UPAE Petrolina vira unidade de tratamento para o novo coronavírus
Ação entrega ovos de chocolate a doadores de sangue do Hemope

De acordo com o tenente coronel Luis Claudio Brito, assessor de imprensa da PMPE, a instituição se sensibilizou com a situação da sociedade e resolveu iniciar essa campanha. "Nossa intenção é, acima de tudo, fortalecer o banco de sangue do Hemope, mas também engajar a nossa corporação em ações que pensem sempre no bem da sociedade", afirmou.

O soldado Adryan Victor, do Batalhão de Choque, acredita que essa ação é muito relevante, sobretudo pelo momento em que a população vive. "A escassez de sangue é um problema bastante recorrente. Agora, que a recomendação é o isolamento, o baixo estoque de sangue tende a se intensificar. É pensando no bem da sociedade que nós nos sentimos motivados a participar", declarou. Já para o cabo William Franklin, é um privilégio poder ajudar a população dessa forma. "Além de salvar vidas combatendo a criminilidade, esse é mais um meio que temos de mostrar que estamos a serviço das pessoas", finalizou.

Situação do Hemope
Segundo Gessiane Paulino, presidente do Hemope, houve uma redução de 30% do número de candidatos a doação. "Normalmente, contamos com uma média diária de 300 doadores. Nessa época de Pandemia, essa número caiu para cerca de 200", informou Gessiane. Ainda conforme Gessiane, o Hemope está disponibilizando o telefone 0800 081 1535 para agendamento de doações. "As pessoas podem entrar em contato conosco através do 0800 para agendar o melhor dia e horário para realizar a doação", complementou. Além dos agendamentos, o Hemope segue funcionando normalmente, de segunda-feira a sábado, das 7h15 às 18h30.

Acompanhe a cobertura em tempo real da pandemia de coronavírus

 

 

Veja também

Zelensky pede em Davos fim do comércio com a Rússia e pede mais armas
Guerra na Ucrânia

Zelensky pede em Davos fim do comércio com a Rússia e pede mais armas

Vacina anticovid da Astrazeneca aprovada pela UE para terceira dose
Coronavírus

Vacina anticovid da Astrazeneca aprovada pela UE para 3ª dose