Polícia prende aluno portando pistola em sala de aula, no município de Escada (PE)

Apreensão aconteceu na manhã desta terça (20)

Pistola foi comprada em Prazeres, Jaboatão dos Guararapes (PE)Pistola foi comprada em Prazeres, Jaboatão dos Guararapes (PE) - Foto: Divulgação / Polícia Militar

Um aluno foi detido pela polícia militar, na manhã desta terça-feira (20), por estar portando uma pistola Taurus de calibre 6,35 milímetros, mais o carregador. O caso aconteceu na Escola Estadual Vigário Pedrosa, no bairro Atalaia, em Escada (município da Zona da Mata Sul de Pernambuco).

A PM informou que recebeu uma denúncia de que o estudante havia sido flagrado pelas câmeras de vigilância da unidade de ensino, portando uma arma de fogo. Após conferir as imagens no monitor de vídeo da escola, a polícia foi até a sala de aula e encontrou a arma com o rapaz. Ele contou ter comprado a pistola na feira de Prazeres, em Jaboatão dos Guararapes, região metropolitana do Recife. Disse que o fez por gostar de armas de fogo, e que a levou para a escola a fim de exibi-la aos colegas.

Leia também:
Ataque a tiros deixa 17 mortos em escola na Flórida
Aluno usa arma da mãe para executar colegas de classe em Goiânia


De acordo com o sargento Joás, que é comandante da Guarnição Tática da PM, foi preciso agir de forma rápida. A polícia temia que o estudante viesse a efetuar disparos contra os colegas, tanto de forma proposital como acidental. "Era um risco que não poderíamos correr, diante de tantos fatos trágicos ocorridos recentemente em escolas do Brasil e de outros países", pontuou.  

O adolescente, cujo nome e idade não foram divulgados, foi apresentado à Delegacia de Polícia local juntamente com o material apreendido, e foi autuado em flagrante pelo ato infracional.

Veja também

Rio libera quadras de escolas de samba a partir de novembro
Carnaval

Rio libera quadras de escolas de samba a partir de novembro

Pernambuco registra mais 664 casos e 15 mortes pela Covid-19
Coronavírus

Pernambuco registra mais 664 casos e 15 mortes pela Covid-19