atentado

Polícia prende homem após alerta de bomba no consulado iraniano em Paris

Uma pessoa era suspeita de entrar no prédio da Prefeitura com explosivos

Militares franceses participam de um perímetro de segurança próximo ao consulado do Irã em Paris,Militares franceses participam de um perímetro de segurança próximo ao consulado do Irã em Paris, - Foto: Miguel Medina/AFP

A polícia francesa prendeu, nesta sexta-feira (19), um homem depois de ter sido contatado pelo consulado iraniano em Paris, no qual uma testemunha informada da presença de uma pessoa com material explosivo, indicou a Prefeitura.

"O homem saiu do consulado e está sendo" interrogado, disse a polícia da capital francesa.

"Nenhum material explosivo" foi encontrado "neste momento", informou uma fonte judicial.

"Uma testemunha viu um homem entrando com uma granada ou um cinturão explosivo", disse a fonte.

A mesma fonte acrescentou que o comandante da polícia de Paris, Laurent Nuñez, mobilizou uma unidade de elite e destacou que o consulado fez o pedido de intervenção.

O bairro onde fica o consulado iraniano, o XVI Arrondissement, no oeste da capital francesa, está completamente fechado ao trânsito e um grande dispositivo policial foi mobilizado.

O trânsito também foi interrompido nas linhas 6 e 9 do metrô, que passam pela estação Trocadero, mais próxima do consulado iraniano, segundo a empresa RATP.

Veja também

Rússia afirma que conquistou outra localidade no leste da Ucrânia
guerra na ucrânia

Rússia afirma que conquistou outra localidade no leste da Ucrânia

Desaparecimento de criança pode ser comunicado antes de 24h; veja como
Segurança Pública

Desaparecimento de criança pode ser comunicado antes de 24h; veja como

Newsletter