Polícia prende suspeitos por assaltar em paradas de ônibus em Paulista

Homens agiam pela manhã e abordavam vítimas que esperavam pelos coletivos em vários bairros do município

Além das PalavrasAlém das Palavras - Foto: Divulgação

Quatro suspeitos foram presos após operação do 17° Batalhão da Polícia Militar por praticarem assaltos diários nas paradas de ônibus na Costa Azul, Loteamento Conceição, Maranguape I e II , em Paulista, na Região Metropolitana do Recife.

"Os suspeitos já vinham sendo investigados pela polícia por agirem sempre da mesma forma e nos mesmos locais. "Recebemos uma série de denúncias de assaltos nesses bairros, por volta das 5h, nas paradas de ônibus", explica o Aspirante Leal, da Polícia Militar, que participou da operação e prisão dos suspeitos.

Após receber as denúncias os policiais deixaram viaturas em locais estratégicos. "Ouvimos no rádio informações do primeiro assalto, na manhã desta sexta, na Costa Azul. Em seguida vimos os suspeitos passarem em uma moto, em alta velocidade, no bairro da Alameda e iniciamos a perseguição", afirma o Aspirante Leal.


Leia mais >
Acidente envolvendo caminhão e moto deixa dois feridos em Paulista 

Durante a perseguição, uma das motos pegou a contramão e acabou batendo contra um caminhão, na BR 101. Já os outros dois suspeitos seguiram em direção ao Hospital Miguel Arraes, trocaram tiros com a polícia, mas foram presos.

O caso foi encaminhado para a Delegacia de Paulista. Seis vítimas estão no local e reconheceram os homens. Uma das motos utilizadas no crime foi roubada nesta quinta-feira (29) pela manhã, no bairro da Macaxeira. O dono do veículo reconheceu os suspeitos. Ao todo foram apreendidos, 7 celulares e duas armas. Os suspeitos foram identificados, residiam no bairro de Nova descoberta, e nenhum deles é menor de idade.

Veja também

A 8 dias da eleição, Senado dos EUA confirma juíza ultraconservadora para a Suprema Corte
internacional

A 8 dias da eleição, Senado dos EUA confirma juíza ultraconservadora para a Suprema Corte

Brasil atinge 5,4 milhões de casos da Covid-19
boletim

Brasil atinge 5,4 milhões de casos da Covid-19