Policlínica Barros Lima recebe 42 novos leitos para pacientes com Covid-19

Com a ampliação das vagas, Recife chega a 148 novos leitos exclusivos para pacientes do novo coronavírus

Novos leitos na Policlínica Barros Lima, no RecifeNovos leitos na Policlínica Barros Lima, no Recife - Foto: Arthur Mota / Folha de Pernambuco

O prefeito do Recife, Geraldo Julio, anunciou, em coletiva de imprensa realizada na manhã desta segunda-feira (6), a abertura de 42 novos leitos na cidade para o tratamento de pacientes com Covid-19. Os leitos são na Policlínica Professor Barros Lima, em Casa Amarela,  Zona Norte da cidade.

Com a ampliação das vagas, a capital pernambucana chega a 148 novos leitos exclusivos voltados para os infectados pelo novo coronavírus, sendo 34 com respiradores pulmonares. No total, a Prefeitura já anunciou 371 leitos para o atendimento aos doentes - 163 nas policlínicas e 208 no Hospital da Mulher do Recife (HMR), no Curado, com 78 respiradores para os casos mais graves.

Leia também:
Imip abre seleção para hospital que atenderá pacientes com coronavírus
Gestante morre por Covid-19 no Recife; bebê está na UTI
Maternidade Brites de Albuquerque receberá leitos para a Covid-19

"Essa foi a segunda obra concluída no total de sete iniciadas após a decretação da pandemia. Queria reforçar o pedido para ficar em casa. A doença se espalha com facilidade. Em São Paulo, já são 275 mortes. Nova York (Estados Unidos) tem média de 600 mortes por dia. Se você for fazer feira ou comprar remédio, faça isso sozinho. Não leve filhos ou pais. Não adianta mercados, padarias, farmácias ficarem abertas se não for por extrema necessidade. Precisamos aumentar o isolamento e isso só será possível se todos ajudarem", afirmou o prefeito.

"Com o fechamento de parques, nós já conseguimos que 48 mil pessoas ficassem em casa. Centenas delas poderiam estar internadas agora, mas não estão. Todos não podem ficar doentes ao mesmo tempo. Isso geraria um colapso no sistema de saúde", completou.

A Unidade Provisória de Isolamento Barros Lima foi montada em duas semanas na área externa, com dois consultórios médicos e 30 leitos de internamento. A área interna passou por readequação e otimização dos espaços físicos para otimizar 12 leitos, sendo duas salas vermelhas, equipadas com respirador, para pacientes com Síndrome Respiratória Aguda Grave (Srag) que apresentem piora no quadro de saúde e necessitem de estabilização para transferência.

O Serviço de Pronto Atendimento (SPA) da Barros Lima continua funcionando normalmente, devidamente separado da área onde ficam os pacientes com sintomas de síndrome gripal. Para tirar todos os leitos do papel, a Prefeitura do Recife anunciou um pacote para reduzir em R$ 180 milhões as despesas com revisão de contratos de prestação de serviço, consultorias, locação de veículos, combustível, energia elétrica, materiais de consumo, além de novos alugueis, passagens aéreas e diárias.

Na coletiva, Geraldo Julio ainda reforçou os projetos da Prefeitura para auxiliar moradores de rua, citando ainda aplicativos que podem contribuir com informações sobre a doença. “Nosso Restaurante Popular já distribuiu mais de 25 mil quentinhas. As pessoas também terão banheiro, kit higiene e dormirão no Abrigo Noturno Irmã Dulce. Também temos o aplicativo “Atende em casa – covid-19”, que já beneficiou mais de oito mil pessoas, tirando dúvidas sobre a situação de saúde, além do “Movimenta Recife”, que ajuda a treinar na residência e foi baixado por 30 mil. Tudo para evitar que a pessoa saia de casa”, informou.

Acompanhe a cobertura em tempo real da pandemia de coronavírus

 

Veja também

México doa 400.000 vacinas anticovid para Guatemala, Honduras e El Salvador
Covid-19

México doa 400.000 vacinas para Guatemala, Honduras e El Salvador

Fósseis de misteriosos seres humanos arcaicos são encontrados em Israel
ARQUEOLOGIA

Fósseis de misteriosos humanos arcaicos são encontrados em Israel