Suporte

População da Mata Sul que sofreu danos por chuvas começa a receber ajuda do Governo de Pernambuco

O Governo do Estado enviou colchões, lençóis e hipoclorito de sódio para municípios

População da Mata Sul que sofreu danos por chuvas começa a receber ajuda do Governo de PernambucoPopulação da Mata Sul que sofreu danos por chuvas começa a receber ajuda do Governo de Pernambuco - Foto: Defesa Civil do Estado/Divulgação

A população da Zona da Mata Sul de Pernambuco que sofreu danos causados pelas chuvas dos últimos dias começou a receber ajuda do Governo do Estado nesta terça-feira (11).

Equipes da Defesa Civil do Estado iniciaram a distribuição de colchões e lençóis para os habitantes dos municípios de São Benedito do Sul e Catende. Nos próximos dias, mais itens serão enviados, de acordo com a demanda segundo informou o governo.

Até esta quarta-feira (12) será concluída a doação de 260 colchões e 520 lençóis em São Benedito do Sul e 190 colchões e 380 lençóis em Catende

"No dia de hoje, dois municípios afetados, São Benedito do Sul e Catende, já receberam itens de ajuda humanitária, mitigando os danos que a população sofreu naquela região. Nos próximos dias, mais itens serão enviados para a população, inclusive cestas básicas, que até a quinta-feira devem chegar, pois estão vindo de Minas Gerais", comunicou o secretário executivo de Proteção e Defesa Civil, coronel Clóvis Ramalho.

A Secretaria de Saúde do Estado enviou hipoclorito de sódio (água sanitária) para municípios da III Gerência Regional de Saúde (Geres), que incluem os atingidos pelas chuvas.

"A gente está distribuindo o hipoclorito em uma quantidade maior, porque, em um período desse, a necessidade também aumenta. O nosso estoque da Saúde libera para as Geres, e as Geres fazem a distribuição aos municípios", explicou a secretária executiva de Vigilância em Saúde e Atenção Primária, Verônica Cisneiros. 

Equipes do Governo de Pernambuco também auxiliaram municípios atingidos a levantar os dados das ocorrências e inserir no Sistema Integrado de Informações sobre Desastres (S2ID), do Governo Federal, para se candidatar a receber recursos federais, face às despesas necessárias.

Foi decretada situação de emergência em 15 municípios da Zona da Mata Sul do Estado, região atingida pelas fortes chuvas. Na segunda-feira (10), a governadora Raquel Lyra anunciou a ampliação do prazo da situação de 60 dias para 180 dias. Os municípios incluídos nos decretos são: São Benedito do Sul, Belém de Maria, Água Preta, Catende, Quipapá, Xexéu, Barreiros, Joaquim Nabuco, Cortês, Jaqueira, Rio Formoso, Maraial, São José da Coroa Grande, Palmares e Primavera.

 

Veja também

G7: Papa Francisco alertará para risco de ser humano se tornar algoritmo com inteligência artificial
MUNDO

G7: Papa Francisco alertará para risco de ser humano se tornar algoritmo com inteligência artificial

Aborto: entenda o projeto de lei que equipara aborto legal a homicídio no Brasil
Brasil

Entenda em 3 pontos o projeto de lei que equipara aborto legal a homicídio no Brasil

Newsletter