Prazo para solicitar voto em trânsito termina nesta quinta (23)

Nas eleições de 2014, 25.504 eleitores solicitaram o voto em trânsito em um dos 27 municípios paulistas que tiveram seções para essa modalidade de voto

O eleitor que não compareceu às urnas no 2º turno do pleito, deve justificar a ausência até o dia 27 de dezembroO eleitor que não compareceu às urnas no 2º turno do pleito, deve justificar a ausência até o dia 27 de dezembro - Foto: Divulgação

Termina nesta quinta-feira (23) o prazo para os eleitores com cadastro eleitoral regular e que tenham previsão de estar fora do domicílio eleitoral no dia 7 e/ou 28 de outubro -data do primeiro e segundo turno- solicitarem o chamado voto em trânsito, realizado em capitais e municípios com mais de 100 mil eleitores.

Para isso, o eleitor deve comparecer em qualquer cartório eleitoral com um documento oficial com foto e indicar o local em que pretende votar. Não há cobrança de taxas. No estado de São Paulo, 54 municípios terão voto em trânsito.

Quem estiver fora do estado do domicílio eleitoral poderá votar em trânsito apenas para presidente da República. Caso o eleitor esteja em trânsito em outro município, mas dentro do estado em que tem domicílio eleitoral, poderá votar para todos os cargos em disputa nestas eleições (presidente, governador, senador, deputado federal e estadual).

Leia também:
TSE registra mais de 23 mil candidatos às eleições de outubro
Ministras do STF conclamam mulheres a buscar igualdade pelo voto

Nas eleições de 2014, 25.504 eleitores solicitaram o voto em trânsito em um dos 27 municípios paulistas que tiveram seções para essa modalidade de voto. Destes, 11.175 solicitaram votar em trânsito na cidade de São Paulo.

Veja também

Acusado de canibalismo, Armie Hammer disse que quase foi esfaqueado durante sexo
Famosos

Acusado de canibalismo, Armie Hammer disse que quase foi esfaqueado durante sexo

Índia inicia grande campanha de vacinação contra a covid-19
Vacinação

Índia inicia grande campanha de vacinação contra a covid-19