Notícias

Prefeitura de Camaragibe inicia entrega de cestas básicas

No primeiro momento, serão beneficiadas 526 famílias cadastradas em programas assistenciais do município

Distribuição de cestas básicas em CamaragibeDistribuição de cestas básicas em Camaragibe - Foto: Divulgação

A Prefeitura de Camaragibe, por meio da Secretaria de Assistência Social, iniciou, nesta quinta-feira (23), a distribuição de cestas básicas à população mais vulnerável do município.

Inicialmente, 526 famílias serão beneficiadas com a ação, cujo objetivo é auxiliar os camaragibenses e diminuir os impactos ocasionados pela pandemia do novo coronavírus.

“O momento é de unirmos esforços em prol dos que mais precisam. A prefeitura está trabalhando muito para garantir apoio aos camaragibenses neste tempo de pandemia. Essas cestas, se Deus quiser, vão matar a fome de muitas pessoas que estão impedidas de trabalhar e tirar seu sustento”, destacou a prefeita Doutora Nadegi.

Leia também:
Moradores do Recife cadastrados no Bolsa Família receberão cestas básicas nas próximas semanas
Relatório da SDS mostra que Camaragibe tem aderido ao isolamento social
Camaragibe vai realizar desinfecção de vias públicas para combater disseminação da Covid-19
Pernambuco confirma 30 novos óbitos pela Covid-19 e passa de 300 vítimas fatais

As famílias que estão recebendo o auxílio são cadastradas nos centros de Referência de Assistência Social (CRAS) e no Centro de Referência Especializado de Assistência Social (CREAS). Dentre esse grupo, estão as pessoas que residem no terreno da Faculdade de Odontologia de Pernambuco (FOP); famílias de catadores do lixão e os ambulantes do entorno da Rua Eliza Cabral.

Cada cesta básica contém 34 itens ao todo - além de alimentos, produtos de limpeza também integram a sua composição. As famílias receberão o benefício ainda nos meses de maio e junho.

Acompanhe a cobertura em tempo real da pandemia de coronavírus

 

 

Veja também

Deslocados forçados no mundo superam os 100 milhões pela primeira vez, diz ONU
Mundo

Deslocados forçados no mundo superam os 100 milhões pela primeira vez, diz ONU

Biden adverte para impacto 'relevante' da varíola dos macacos
Estados Unidos

Biden adverte para impacto 'relevante' da varíola dos macacos