CALÇADÃO DA ORLA

Prefeitura do Recife investe na reconstrução de quiosques no Pina e em Boa Viagem

Prefeito em exercício, Romerinho Jatobá, vistoriou os serviços na manhã desta quinta-feira (14)

Prefeitura do Recife investe R$  8,6 milhões na construção dos novos espaços no calçadão do Pina e de Boa ViagemPrefeitura do Recife investe R$ 8,6 milhões na construção dos novos espaços no calçadão do Pina e de Boa Viagem - Foto: Marcos Pastich / PCR

A Prefeitura do Recife iniciou a construção dos novos quiosques do calçadão da orla do Pina e de Boa Viagem. O investimento será de R$  8,6 milhões, valor 15% menor em relação ao valor de referência. O projeto conta com a construção de 60 quiosques e prevê uma intervensão em dez etapas, com obras que deverão durar aproximandamente um ano. 

As intervenções acontecerão em seis quiosques por vez, iniciando pelos que estão com a conservação mais precária, seguindo em direção ao Centro do Recife. O processo de demolição das antigas estruturas já foi iniciado e o local já está sendo preparado para as novas estruturas. 

A prefeitura informou que os novos quioques terão tamanho padrão, com 39,8 metros quadrados de área coberta e 12,14 metros quadrados de área interna - maiores que as estruturas atuais.

O prefeito em exercício, Romerinho Jatobá, visitou, nesta quinta-feira (14), as obras e de declarou:

 “Estamos acompanhando as obras da orla de Boa Viagem e do Pina, com a construção dos novos quiosques das nossas praias. São 60 quiosques que serão reformados, com R$ 8,6 milhões investidos, garantindo uma mudança no visual da nossa orla. Aqui os turistas serão beneficiados, mas sobretudo, o povo do Recife e os trabalhadores destes espaços. Então, a gente vai estar acompanhando de perto. Em breve, o prefeito João Campos vai poder anunciar mais investimentos na orla”.

O projeto dos quiosques pretende também trazer um espaço de transição entre o ambiente natural da praia e o construído - calçadão e avenida - mantendo aspectos de segurança, durabilidade, manutenção, funcionalidade e acessibilidade. Para issso, trará um sistema de lajes de concreto, para garantir segurança, durabilidade e facilitar na manutenção.

Além do concreto pigmentado na cor areia, que confere originalidade e contemporaneidade ao conjunto dos quiosques, como encontrado no Museu Cais do Sertão em Recife, o projeto também trará painéis de azulejaria muito utilizados na arquitetura moderna, como os dos edifícios Acaiaca em Boa Viagem e Barão de Rio Branco na Boa Vista. 

Veja também

Com tendência conservadora, a Suprema Corte divide os americanos
Estados Unidos

Com tendência conservadora, a Suprema Corte divide os americanos

Vacinas salvaram 20 milhões de vidas em um ano, aponta novo estudo
Coronavírus

Vacinas salvaram 20 milhões de vidas em um ano, diz estudo